Em carta, presidiário de Juazeiro denuncia e diz: “Estamos pagando pelos nossos erros, mas não precisa agirem desta forma”

O Portal Preto No Branco recebeu uma carta de um detento do Conjunto Penal de Juazeiro, relatando algumas situações que estariam ocorrendo na instituição. Ele inicia denominando o presídio de “máquina de fazer monstro” e denuncia que agentes penitenciários estariam maltratando os internos.

“Quero comunicar o que está acontecendo aqui dentro. Não só no módulo 3, mas também nos módulos 1, 2 e 4. Alguns ‘prezados’ (agentes) estão faltando com o respeito. Chamando ‘nois’ de ‘viado’. Pedindo pra ‘nois botar a bunda na grade’. Tirando preso da cela pra bater e colocar na disciplina sem motivo. Um supervisor deu um tapa na cara de um rapaz pela grade, falando que ‘nois’ não somos homens , desfazendo ‘de nois'”, diz em um trecho da carta.

O detento também reclama da alimentação fornecida no presídio, da superlotação e da situação de presos com pena vencida. “A alimentação tá vindo ruim. Cuscuz crú, arroz com frango empanado, marmita quase vazia. ‘Nois’ estamos passando fome e sendo humilhados. A cadeia tá superlotada. Cela pra ‘8’, com ’10’. Preso dormindo no chão. Preso com cadeia vencida e ainda está aqui. Preso sentenciado tirando no módulo 4, regime fechado, sendo que era para tá no raio.”

O detento, autor da carta, finaliza pedindo ajuda e afirmando: “Certo que estamos pagando pelos nossos erros, mas não precisa eles ‘agir’ dessa forma.”

Veja a carta:

O PNB ouviu familiares de detentos, que confirmaram algumas denúncias.

“Nossos familiares que estão lá dentro contam das humilhações que passam. Os agentes não levam eles pra enfermaria, nem para a assistência social, é muita perversidade, muita crueldade. Eles estão passando fome e sofrendo maus tratos. Alguém tem que tomar providências. Eles erraram, estão pagando pelos erros, mas são seres humanos,” desabafou.

Nós procuramos o Diretor do Conjunto Penal, Manoel Tadeu e ele afirmou que irá “apurar rigorosamente” as denúncias. “Hoje nossa população carcerária é de 320 internos acima da capacidade, portanto, temos realmente excesso populacional. Quanto às demais denúncias temos que apurar”, declarou Manoel Tadeu.

Estamos encaminhando as denúncias também para o Conselho Municipal dos Direitos Humanos de Juazeiro.

Da Redação

5 Comentários

  • Daniely Mattos disse:

    Acho que um absurdo tudo que acontece no conjunto penal de Juazeiro, nos sofremos e não podemos fazer nada por nossos familiares que ali estão, procurar o diretor não adianta pois o mesmo só da razão aos algozes que ali trabalham. Os direitos humanos ja esteve lá mas nada muda só promessas. O que me parece é que é um lugar onde a direção feixa os olhos para tudo que acontece,os presos se revoltam e se reclamar é espancado e os algozes os levam na delegacia e só aumenta os processos deles, depois o senhor diretor abre uma sindicância mais deixa claro pra gente que foi o preso o errado. E vamos ser bem sinceros o que vale mais a palavra de um agente ou a de um preso? Acho que faltou foi papel pra esse preso escrever tudo que ali acontece.

  • Márcia disse:

    Triste situação, Passei 5 meses indo até o Conjunto e presenciei todas as Vezes a Comida que é oferecida Lá, Nem Comida de Cachorro é daquele Jeito, Os internos estão pagando pelo que fez, mas As Seres humanos, Internos Adoecem a Única coisa que dão é Dipirona e Olhe lá, Isso é quando eles tem a Boa Vontade de levar a Enfermaria. Familiares Acordem, Clamam por Justiça e Humanização, Por um alimentação Boa, já que Não Deixam a Família Levar alimentos, uma Assistência Adequada… Triste Realidade do CPJ

  • Krysthian Queiroz disse:

    Gente não é pq eles estão lá, q devem ser tratados dessa forma nn
    São seres humanos, senhores agentes
    E diretor.
    Erraram?
    Sim, porém estão lá para pagar, estão pagando!!!
    Eu acho uma ironia imensa
    O nome do conjunto penal de Juazeiro-BA
    Ser “REVIVER”
    Pois aos q n sabem o significado:
    reviver é…
    voltar à vida, renascer.
    “as plantas, na primavera, revivem”
    adquirir novo vigor, nova força; revigorar-se, renovar-se.
    Sim! Um significado lindo
    Porém
    Como recomeçar
    Sendo atiçado?
    Para ver até onde vai sua paciência
    E pior, gente é um absurdo
    Ao q eu me lembre, ja é a segunda reclamação em menos de 1 ano
    Vamos ter mais amor ao próximo, é quase impossível
    Sair melhor de uma situação a qual
    É passado por humilhação, fome.
    Novamente repito
    Erraram siim
    Porém são humanos
    E estão la para pagar por isso.

  • Beatriz Novaes disse:

    O quê

    Vcs estão comentando é tudo uma grande mentira
    Todos os detentos são bem tratados tanto como, o social e parti médica ,gostaria de saber quem do povo têm uma nutricionista ,assistente social, médico Clínico, psicólogo, professor de educação física, dentista entre outros.
    A Reviver é uma empresa sériea comprindo o seu papel quê é atribuída .
    Lá é tão ruim muitos passam (cinco, dez anos) e voltam. Só lamento por muitos não trilharem no caminho certo
    Os agentes que estão todos os dias se arriscando a vida comprindo seu o papel, em pondo respeito e disciplina.
    Quem tiver alguma dúvida vá faça uma visita. “Rs”

  • Daniely Matos disse:

    Minha querida, sabemos o que tem lá só não funciona. Ter tem, no minímo você é funcionária tem que defender mesmo. E quanto o seu pensamento em achar que lá é tão bom que eles voltam eu acho exatamente o contrário, eles voltam porque não saem ressocializados e sim com muito ódio no coração. Como em tudo na vida toda regra tem exceção la não é diferente tem bons agentes, poucos mas tem só que como eles mesmos dizem na hora da revista feminina uns fazem e todos pagam e no quesito fazer uma visita para ter certeza não adinta, pois vocês maquiam tudo e o cenário encontrado em bem outro, a globo perde feio pra vocês!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.