Tragédia: Adolescente de 14 anos se joga do 7° andar de um prédio, em Petrolina-PE

 

Segundo informações apuradas pelo PNB, uma adolescente de 14 anos se jogou do sétimo andar de um prédio residencial, em Petrolina-PE. O caso aconteceu na tarde desta terça-feira (10), em um condomínio localizado na Av. Clementino Coelho.

De acordo com as informações, antes de cometer o suicídio, a jovem divulgou a intenção em suas redes sociais. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionada, mas ao chegar ao local, constatou o óbito da adolescente.

A Polícia foi acionada e já está no local.

Setembro Amarelo

Desde 2014 é realizada no Brasil a campanha Setembro Amarelo, quando se realizam atividades de conscientização e prevenção do suicídio. Em 10 de setembro é comemorado o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio.

O suicídio é considerado um problema de saúde pública, mas que não é debatido por ser considerado um tabu social. Enquanto o tema é desconsiderado em diversos espaços, o número de vítimas que cometem suicídio só aumenta.

Pelo menos 9,2% da população mundial pensa em suicídio e um terço deles chega a tentar, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Pelos números oficiais, são 32 brasileiros mortos por dia, taxa superior às vítimas da AIDS e da maioria dos tipos de câncer. Tem sido um mal silencioso, pois as pessoas fogem do assunto e, por medo ou desconhecimento, não veem os sinais de que uma pessoa próxima está com ideias suicidas.

Para a Sociedade Pernambucana de Psiquiatria (SPP), a melhor forma de abordar o tema é cortar o sensacionalismo e difundir uma mensagem de valorização da vida.

O Setembro Amarelo conta com o apoio do Centro de Valorização da Vida (CVV), do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). Mundialmente, a Associação Internacional para Prevenção do Suicídio (IASP) também participa da divulgação do projeto.

 

Da Redação

90 Comentários

  • Luciana disse:

    Gente!!! Isso é seríssimo!!! Temos que nos unir em oração também, os espíritos malígnos estão aí, para destruir mesmo. Vamos orar e repreendê-los em nome de Jesus. Independente de religião, Deus está pronto para nos ouvir e atender os nossos pedidos. Amém.

    • Cynthia disse:

      Olá bom dia! É assustador como as coisas tomam caminhos e se desvirtuam com pequenas palavras e atitudes, por isso precisamos está atentos em como não tornar nosso irmão em nosso inimigo, o que eu espero de você não é exatamente o que você quer me dá ou nem ao menos você acha que me deve retribuir por algo. O texto do Luiz se fortaleceu muito em vários outros,pois ao tentar fazer uma reflexão por um assunto chocante o foco foi mais relevante no tocante aos animais do que a adolescente que se sentindo perdida nesse mundo achou que teria paz acabando com sua vida. Não acho que a luta pela vida dos animais seja uma besteira mas penso que Luiz não quis dizer o que tantas pessoas analisaram, creio que ele fala dos exageros, tais como fazer desfiles de animais, levar o pet ao salão (nao estamos falando em petshop) enquanto tantas criancas estap sem o que vestir, comer ou onde dormir. Cresci rodeada de animais, de todos os tipo, tenho meu cachorro, cuido dele, tem sua racao, levamos p passear, ele gosta de sair sozinho (acho que para se sentir livre) e ás vezes eu deixo com o coracao na mão com medo de que aconteça algo mas ele é meu cachorro que tem como função na minha casa de trazer segurança.
      Precisamos está atentos a todos ao nosso redor e isso não é fácil, temos tanto o que fazer que o problema so outro é sempre secundário e por aí ás coisa vão até que o lamentável aconteça. Façamos o que Deus nos mandou “ame-vos uns aos outros”, assim acolheremos ao outro como gostaríamos de ser acolhido. Uma boa semana a todos.

  • Luís Biazzo disse:

    É uma pena que nos dias de hoje a preocupação é maior com animais do Qie com o ser humano o empenho o sensacionalismo quando um cachorro é maltratado a preocupação com leis que protegem animais, não Qie eu concorde com maus tratos a animais, mas as pessoas estão doentes mesmo, uma mudança de valores sem respeito ao próximo, vc pode cuidar bem de um animal sem se esquecer do ser humano,hoje pouco se importam com a vida das pessoas e a preocupação com a vida dos animais levada cada dia mais a sério !!! O Qie quero dizer é que vc substitui um cachorro pelo outro um gato pelo outro, mas vc não substitui um filho um irmão ou mesmo um pai de família que se suicida pelo outro !! Precisamos de mais olho no olho sorrisos sinceros broncas que educam, precisamos ter mais as pessoas sem precisar comprarmos, afeto carinho atenção amor até mesmo o respeito, não se compra em gôndolas de farmácias e super mercados mas se conquista no dia a dia. Precisamos nos curar disso e que Deus conforte essa e outras famílias que passam por esses tristes fatos

    • Jacyra disse:

      Oxe…que comentario mas sem fundamento! O fato de uma pessoa gostar e defender um animal não necessariamente quer dizer que ele ignore as dores humanas….ao contrário, isso na maioria das vezes demonstra a preocupação com a vida…seja ela humana ou não. Eu heim!!!!

    • Valéria M. disse:

      O que os animais tem a ver com isso. São sentimentos diferenciados,.cuidados distintos.
      A valorização de um animal de estimação não menospreza a atenção ou cuidado pelo seres humanos. Vamos deixar de ter menos preconceitos e aceitar as pessoas como elas querem ser/São. Quem sabe assim…as pessoas se matem menos.

      • Eduardo disse:

        Gracinete bom dia. a tua linguagem profana e a falta de respeito pela opinião dos outros, te torna duas vezes mais tudo isso q vc proferiu pro Luis Biazzo.
        Vc deveria ser levada na coleira como um animal tb…pois a selvageria e ignorância q vc transmite é animalesca…vc interpretou erroneamente o texto do Luis.

        Bom dia pra todos.

      • Patricia disse:

        Falou tudo! São preconceitos e recriminações desse tipo que separam as pessoas, ao invés de uni-las. Não consigo entender essa onda de raiva e ódio contra pessoas que cuidam de seus animais como membros da família, ou que lutam pela causa animal, porque algumas pessoas têm tanta dificuldade em aceitar as diferenças? Se acham que lutar por causas humanitárias vale mais seu tempo, porque essas pessoas não investem seu tempo no que acreditam, ao invés de perder tempo criticando quem age em outras causas? Isso é falta de Deus. Deus está presente no cuidado de cada vida preciosa, não na crítica às pessoas que dedicam seu tempo, qualquer tempo, lutando pela dignidade e pela valorização da vida delas.

        • Vany Sousa disse:

          Também concordo. As pessoas que cuidam e defendem os animais, são as mais sensíveis em diversos aspectos da vida. Desconfio de quem não gosta dos animais, boa pessoa não é.

          • Debor6 disse:

            Acredito que o que ele quis dizer, é que quando se espanca um animal, a mídia e toda internet cai em cima, já quando se divulga que uma criança foi morta, espancada ou estuprada, não fazem tanto barulho quanto fazem com a notícia do animal. Pelo menos entendi assim.

          • Adriana disse:

            Continuo defendendo os animais, até porque não têm muitos que falam por eles, e me sinto sensível às dores humanas, vc foi muito infeliz no teu comentário.

          • ivanete disse:

            O comentário do Luiz Biazzo, não e sem noção como estão comentando, eu conheço muitas pessoas que não gostam de seres humanos só de animais e já vi comentários de pessoas na Internet que diz não gostarem de gente só de animais, que preferem ajudar animais do que gente. Eu acho isso um absurdo.

          • Juliana disse:

            Concordo,quem ama os animais ,ama tbm ao próximo (humanos).Somos todos filhos do mesmo pai. Menos internet e mais amor em família .

    • Gracinete disse:

      Luiz Biazzo,deixa de ser idiota! O que tem haver essas comparações imbecil! Uma causa não anula a outra babaca! É por isso que o mundo tá assim, por causa de pessoas como você egoístas. Diferentemente dos seres humanos, animais não falam, por tanto não sabem pedir socorro quando estão como fome, com dor e quando estão sofrendo maus tratos pelos humanos imbecis, que é o que mais tem por aí, infelizmente

      • Dayse disse:

        Meu Deus!!!
        Entendo a sua indignação com o comentário dele…

        Concordo contigo, foi um comentário infeliz, pois podemos amar, cuidar e proteger ambos!

        Mas Dá pra corrigir sem ofender. Não precisa tanta intolerância!

        Paz e bem!

        • batista disse:

          Gente pelo q eu entendi e vcs não entenderam, não é q que o comentário dos animais ai feito seja q ligam mais pra mais animais do q humanos veja bem antes de de falarem ou pelo menos entendam o q foi dito.eu entendi q a pessoas quis dizer q a violência contra animais em parte tem mais repercussão do que algo contra o ser humano,creio q vcs fizerem um comentário infeliz aí por não entenderem o q foi dito .Bom eu amo animais foi Deus quem criou, mais foi o q eu entendi na postagem. ..

        • Ariane disse:

          Penso da mesma forma que vc, porque falar com alguem que nem se conhece dessa forma. E ainda diz por isso que o mundo esta assim…

      • Ulisses disse:

        Nossa! Quanta ignorância. O cara não disse que não é para cuidar dos animais. Ele apenas disse que as pessoas estão esfriando no amor para com o próximo. Caramba, tudo vira polêmica! Que doideira! Concordo com ele que o respeito entre as pessoas já não é mais o mesmo, infelizmente. Temos de dar mais atenção aos nossos filhos. Deixarmos um pouco de lado o celular, o computador, a tv e participarmos mais de momentos de comunhão em família.

    • Elisete disse:

      Por causa deste tipo de mentalidade que as coisas continuam a acontecer. Tenho 3 filhos, 4 cães e um gato. Agora você vem dizer que lutar por direitos dos animais é o mesmo que prevenção ou que amar um filho? Amo meus filhos e amo meus cães. Porque sou humana e feita de compaixão. Não confunda alhos com bugalhos. Papinho de quem não ama nem um e nem outro.

    • Adnólia disse:

      Concordo com o Luiz. Ele não condena o amor aos animais, pelo contrário ele incentiva. Mas que há um descaso com relação à vida dos seres humanos, isso é notório. Há uma inversão de valores, sim. Mais ações precisam ser feitas para salvar a vida de muitas pessoas.

    • Izabela Alves disse:

      Em parte vc está certa. Vejo muitos gastando muito dinheiro com cachorrinhos de estimação ao ponto de fazer até festa de aniversário e esquecem do ser humano, esquece de filhos de parentes de pessoas que sofrem com a fome.
      São capazes de gastar com festa pra cachorro e negar um prato de comida a quem tem fome. Dão atenção aos cachorros e esquecem os filhos que estão necessitando muitas vezes de um abraço.

    • Michele disse:

      Gostei do seu comentário. Muito sensato.

    • Maria aline disse:

      Não justifica…se vc defende a vida dê valor a ela como um todo,o fato de muitos lutarem contra maltrato aos animais não impede de fazerem o mesmo pelos seres humanos, os animais merecem todo nosso respeito também.

    • Edilene disse:

      Total sem noção esse comentário que cachorro e gato substitui por outros eu em nada vê. Que tem de tomar conta das pessoas tudo bem criança e adolescente em geral ok os animais nada tem a ver com isso.

    • Anne Dias disse:

      Com todo respeito, discordo da sua abordagem sobre o tema! O que tem haver, se compadecer de um animal que sofre uma ação criminosa e que sabemos , não sabe falar, reinvidicar direitos, se defender das atrocidades e há bem pouco tempo, nem punições legais existiam? Foi pela mobilização que começou a mudar! A questão do suicidio é um tabu! Casos raramente são levado a público por ordem da família! Quem se compadece de um inocente, seja animal ou humano, tem o mesmo olhar amoroso! Tem pessoas que nada fazem, nem para com animais e nem com gente!

    • Sueli disse:

      Um fato não está relacionado ao outro, podemos amar animais e pessoas, podemos estar engajados nas duas vertentes. O problema não está em quem ama os animais e sim em quem não ama o ser humano, principalmente quando é o próprio filho.

    • Clauris Antonio de Lima Junior. disse:

      Eu COM CERTEZA ME PREOCUPO MAIS COM MEUS
      CÃES DO QUE COM SER HUMANO.
      JÁ DIZIA Alexandre Herculano:
      “Quanto mais conheço o ser humano, …
      Mais eu amo os animais!!!”
      Por tanto …
      Se eu ajudar um ser humano, ainda corro risco
      De ser mal interpretado, e eni situações.
      O animal, não.
      Eu posso ajudar, levar ele pra casa pq tudo o que ele
      Fizer contra mim, é por simples defeza.

    • Pedro Paulo disse:

      Vdd concordo plenamente. As pessoas estão doentes , uns até dizem que amam mais os bichos que os próprios seres humanos , desamor total pelo próximo.

    • Nixson disse:

      Tem gente que diz que” cada vez que conhece mais i ser humano mais gosta do seu cachorro”e muita gente dizendo que uma coisa não tem nada a ver com a outra é tem sim.Pessoas que passam por um mendigo e nem olha e ver um cachorro e carinha e brinca isso eu já vi…o ser humano gasta mais com cachorro a cada dia e esses na sua maioria não ajudam ninguém!!!

    • Michele disse:

      O que uma coisa tem a ver com a outra? Indignada com esses pensamentos.

    • Ainda bem que existem pessoas preocupadas com os animais, graças a Deus não pensam como vc, Deus os livre!!

    • Tania disse:

      Eu compreendi o quis dizer em suas palavras Luis. O mundo está transferindo mesmo para os animais o amor que deveria ser dado aos seres humanos. Deus nos manda amar o próximo e seja ele qual for. Família amigos ou inimigos. Já vi varias pessoas apenas trocarem seus bichinhos de estimação por outros só porque estão velhos ou doentes. Chegam a abandonar nos Pets por não terem tempo de cuidar. Em varios restaurantes mundo afora não permitem entrada de criança mas sim de animais de estimação
      Por essas e outras maneiras de agir e pensar é que o amor de muitos está acabando. Acho que a maioria das pessoas gosta dos animais tem compaixão mas em se falando de amor esse deve ser dado em primeiro lugar aos nossos filhos. O ser humano está pedindo socorro e que Deus possa alcançar essas vidas que estão sofrendo

    • Bruno Albuquerque disse:

      Absurdo de comentário !! além do sério problema que já temos como esse de suicídios, vem esses comentários !! Meu Deus ! proteja todos nós, porque a situação tá dificil !

    • Roberta disse:

      Os animais têm a mesma importância que um ser humano

    • Mery Antunes disse:

      Quem compara a forma de tratar um animal com um ser humano, já é caso de preocupação. Todos são seres vivos, sentem amor e dor.
      Nossa sociedade vive um momento histórico: intolerância, ausência da família na vida dos filhos, excesso de informação fútil.
      Muitos estão sofrendo de ansiedade e depressão, e acredito que muitos já sofrem da Síndrome do Pensamento Acelerado, mas quem sabe disso? Pais, pesquisem

    • Mário Jr disse:

      Não cabe esse seu comentário!
      Misturou as coisas!
      Refaça seu raciocínio!

    • Ana Helcias disse:

      Luís Biazzo, O animal é um ser sem defesa. O fato de eu gostar e defender animais não significa que eu não me preocupe com o fato de uma menina de 14 anos cometer suicídio… Isso é triste, lamentável, falta de estrutura familiar falta de apoio…. Uma coisa não tem nada a ver com a outra…

    • marcio disse:

      NOSSA
      QUE VIAJE É ESSA VEI.
      NAO MISTURA AS COISAS

    • josef disse:

      Luiz bizzarro, sai dessa cara, o único animal aqui é você.

    • ELIANA disse:

      O animal de estimação eh um aliado ao combate a depressão e prevenção do suicídio, ele eh a fonte de amor incondicional e verdadeiro que falta no ser humano, eu mesma tive a experiência de evitar dores profundas na alma de crianças que perderam mãe, irmão, doando um animal de estimação, a falta de amor ou o amor eh transferido ao pequeno ser, aí a pessoa melhora por sentir desejo de proteger e amar o animalzinho tão carente quanto ele. A cura está nesses animaizinhos

    • Ana Carolina Campos disse:

      Concordo com vc.

  • Jacyra disse:

    Oxe…que comentario mais sem fundamento! O fato de uma pessoa gostar e defender um animal não necessariamente quer dizer que ele ignore as dores humanas….ao contrário, isso na maioria das vezes demonstra a preocupação com a vida…seja ela humana ou não. Eu heim!!!!

  • Tânia disse:

    Concordo plenamente com seu comentário Luiz Biazzo
    As pessoas estão se preocupando mais com os
    Animais mesmo!
    Até tem família que não se importa com sua Própria
    Família!!

    • Infelizmente ,terminou esquecendo o foco real da questão,que são nossas crianças que estão se perdendo tão cedo….a o invés de fazermos comparações de afeto ou amor a seres humanos ou animais.
      vamos orar por, todos o inimigo agindo…..
      orem!

    • Maria Higachi disse:

      Verdade! Lidar com o ser humano é difícil exige paciência e muito amor, compaixão. Então o bicho é muito mais fácil, não responde, não faz birra eu etc. Cuidem e amém seus animais mas façam o mesmo pelo ser humano necessitado e vamos ser sinceras na maioria das vezes só faz pelo bicho msm pq o que acontece com o outro, ele que se vire né

  • Ângela disse:

    Concordo 100% com o Luiz. Os valores estão invertidos. É triste ver como a sociedade anda doente e sem saber lidar com frustrações. 🙁

  • SILVANA LEIT disse:

    CERTISSIMA você LUCIANA!
    A prece é refrigério ao espírito desencarnado
    Sobretudo, em casos como este.

    E independente da crença o papel de quem ficar e ORAR e solicitar de Deus a sua misericórdia que alcança à todos!! Independenta da Causa morte.
    Que a Espiritualidade a recolha e acolha com carinho.

  • Tami disse:

    Respeita a morte da minha amiga, não comenta coisas das quais vocês não sabem, não falem sobre uma pessoa que vocês não conhecem, sobre uma família que vocês nunca viram, respeita a dor das pessoas, por favor.

  • Jose wallace disse:

    Preoculpa- me saber o que levou a garota a cometer o suicídio…

  • Andrea Ferreira disse:

    No caso o amor pelos animais salvam vidas, tiram pessoas de estado depressivo, levam alegria e acalanto a doentes enfermos em hospitais. Ensinam o ser humano que anda tão vazio a respeitar mais a vida, as diferenças e a exercitar a ternura. Os animais nos ensinam a amar incondicionalmente, pois eles sim amam sem intenção, independente do que tenha ou de quem seja. Os animais não tem nada a ver com esse problema terrível que vem assolando a humanidade que essa doença chamada depressão. Que pode atacar qualquer um, independentemente de idade, religião, classe social. E vem trazendo tanto sofrimento às famílias, como no caso dessa criança. Ela ainda era um anjo inocente que mal conhecia a vida e já sofrendo tanto. Que Deus em sua infinita misericórdia a receba em seus braços e traga força e muita luz divina para essa família.

  • Lana disse:

    Cuidado gente entendi o que o Luis quis dizer nesse momento eu me imaginei no lugar deles as criticas podem levar a nossa mente sentimentos de tristeza pelo que ele quis expressar, principalmente quando acontece na mídia, isso é frustrante. Então antes de magoar alguém vamos pensar no lugar do outro se não gostou existe palavras que possa ser chamadas atenção sem trazer transtornos mentais.

  • Suca disse:

    Mais tolerância por favor. Amo os animais, mas entendi o que o colega o comentário do colega. Vamos entender que apesar do amor que temos pelos animais, não podemos esquecer a valorização às pessoas, a atenção com aqueles que nos cercam e eu sinto muito por alguns aqui não entenderem que , intolerância é também uma forma de espalhar o ódio intrínseco dentro do ser humano. Mais amor por favor!

  • Govit disse:

    Olá pessoal,
    Eu sou protetora dos animais e luto por essa causa diariamente, mas isso n exclui o meu respeito e empatia pelo ser humano. Oq eu acho que nós cansa, É que por muitas vezes (digo por experiência própria) é muito mais fácil educar e receber amor de um animal, seja ele qual for, do que ver um pai e uma mãe terem noção de realidade, mundo cão e educarem seus filhos nos pilares do amor, do respeito e da valorização da dignidade e simplicidade.
    O mau do século hoje chamado de depressao, existe em decorrência da falta de valores, educação e excesso de tecnologias… e assim o amor que pode até existir lá no fundo do ser, passa despercebido.
    Um cachorro, por exemplo…não sabe brincar com um tablet, por isso somos “obrigados” a dar atenção a ele levando p passear e etc senão ele vai na tristeza e morre; uma criança não! Ela recebe avalanche de tecnologias como celular, tablet e programas de tv que não educam e nem tem obrigação de fazer isso, mas os pais vão levando e até dão graças à Deus pela existência deles…isso sem falar nas famílias visivelmente desequilibradas pelo álcool, drogas, desamor, violência doméstica e etc.

    o que acontece é que filho é uma importante escolhas e escolhas bem feitas demandam autoconhecimento e o caminho do autoconhecimento requer tempo, mas somos em maioria grandes putos imediatistas e inconsequentes e aí efeito dominó explode!
    Sejamos mais amorosos e cautelosos em tudo.

    • Rosane disse:

      Nossa Govit, vc foi a única que usou bem as palavras em se comentário, está certíssima em tdo que disse o suicídio é um mau que preocupa muito. A depressão é uma doença silenciosa e precisa ser tratada, o suicídio está acontecendo entre os jovens e adultos. Só no mês de agosto e setembro de 2019 mais de um enfermeiro (a), cometeram suicídio. Gente a Govit está certa não tem nada haver com o amor.pelos animais mais sim com a falta dele entre os humanos, os próprios estão esquecendo esse sentimento. Hoje em dia ninguém mais conversa cara a cara e tdo pelo celular e qdo saem em grupo ninguém conversa ficam só no celular. Eu já fui em festas e a maioria só ficava no celular, conheço famílias em que a mãe e o pai não se preocupam com os filhos qdo saem pq, acham que só pq estão com o celular eles estão bem e não é assim que as coisas funcionam, essa tecnologia era para nos ajudar e não para nos afastar e é pra ser usada com consciência e respeito. Família deveria ser tdo, compartilhar tdo sem mentiras e omissões e conversar sobre tdo principalmente com seus filhos. A amizade tbm é mto importante, ter um gde amigo ou amiga tbm é mto bom. Eu não sei os motivos que levaram essa menina linda a cometer suicídio mais eu tenho certeza de que Deus vai cuidar bem dela e dar à ela a paz e o amor que ela não tinha em vida. Que ela descansa em paz.

  • fabiana disse:

    Gente voces cuidado ao rebater o comentário do outro,vocês não sabe o que está passando com a pessoa falta de respeito chamar os outros de imbecil e idiota,sabe lá Deus se a pessoa não está passando por uma possível depressão!! Respeitem os outros

  • Maria disse:

    Verdade Govit, é bem mais fácil cuidar e receber reciprocidade dos animais. O problema de muitas famílias é que deixam o cansaço tomar conta e deixam de lado os filhos… Claro que a tecnologia vicia, mas é possível colocar outras coisas mais importantes na frente dela. Se os pais deixarem de lado o celular e sair mais de mãos dadas com seus filhos, certamente eles terão mais afeto e o amor irá preencher o vazio que a tecnologia não consegue no seus corações.
    É preciso empatia, mais amor, menos críticas e mais respeito!

  • Rosana disse:

    Olá,
    Deus é Pai e em sua infinita bondade está cuidando deste anjo.
    Respeito todos os comentários, tenho certeza que na essência destes, todos querem dizer: Só o Amor é capaz de transformar o cenário que nos encontramos.
    Muita Luz, Generosidade para com todos.

  • Maria Paula disse:

    São essas pessoas que defendem e amam os amais que tem o coração bondoso e que se preocupam com o próximo.

  • Lourdes disse:

    São várias pessoas apontando o dedo para quem protege os animais. Agora eu pergunto, já fizeram a parte de vocês, juntem-se e vão ajudar alguém, o mendigo que passa a sua porta, a criança que pede, será que estão fazendo o bem para alguém,pq ficar atrás só julgando é fácil.

  • Gerson disse:

    Infelizmente a campanha não foi suficiente para essa jovem. Talvez seja hora de complementar os métodos…

  • Maria disse:

    Quem defende o direito dos animais, defende todos os direitos humanos. Não sei o que muda, apontar dedos a quem tem coração, e não tem culpa. Os dedos devem se voltar, áqueles que levam um semelhante, a tirar a própria vida. Cadê o papel da “família”? As piores coisas que se ouvem e vivem, é dentro de casa. Muita gente por perto, e tão sozinhos. A pior solidão. Muitos familiares, estão sempre a postos a ajudar qualquer pessoa “lá fora”, mas não vê quem está pedindo socorro, dentro de casa. Em muitos lares, não há ombro, colo…. Não pra ajudar. Pra violar, abusar, agredir, ferir o físico e a alma, nunca falta. Família, o que é isso? O que foi isso, um dia?

  • Alan disse:

    Todo meu sentimento e respeito à família. Mas esta tragédia só revela uma coisa: a humanidade se afasta de Deus e quer ter forças para vencer as dificuldades desta vida. Não adianta só dizer da boca pra fora que ama a Deus, se uma conversão sincera não acontecer na alma. Muitos vão me crucificar por este meu comentário. Mas não adianta tentar tapar o sol com a peneira. Eu sei que é difícil sermos confrontados com a Verdade. Mas só a Verdade que nos liberta e salva, e esta Verdade tem nome: Deus.

  • Tania disse:

    São vários os motivos q estão detonando as famílias,mas a tecnologia só tomou conta depois qos pais abriram mão de suas responsabilidades.Quanto ao comentário do Luiz,posso falar q vivo isso aqui em casa, é nítido q meu filho se preocupa demasiadamente com os animais,mais do q comigo,temos 2 cães.O padre da igreja q frequento tem uma cadela q fica no altar com ele,mas já disse q apesar dela ser sua cia e ótimo amiga,já q só escuta e não responde, ela jamais poderá servir-lhe um copo d’água ou ministrar um remédio,portanto devemos saber o q é excesso.Nossos filhos são responsabilidade nossa,devemos ficar atentos e cuidar,hoje né hum lugar é seguro, nem a própria casa ,especialmente se é como hotel,onde as pessoas só se hospedam mas não tem vínculo,afeto e interação.

  • Fátima Maria disse:

    Tenho uma filha de 4 patas. Nosso amor por ela é infinito e recíproco. Aí, vem uma pessoa dizer que não nos preocupamos com problemas pessoais de humanos ? Tá doido.

  • Apenas um humano chamado Fred disse:

    Bando de povo pequeno, abram as suas mentes! Deus não tem nada a ver com isso, nem se quer existe! Nunca existiu, sempre em qualquer sociedade ou grupo de seres humanos que ja existiu nesse planeta chamado Terra, a religião foi a maneira mais eficiente de se controlar as pessoas ou manterem sob controle. Precisamos ser gratos e precisamos respeitar a vida, a vida é uma dádiva inexplicável do universo, o maior valor que existe, deve ser valorizada desde o menor ao maio suspiro de vida, quem diz que animais são irracionais e devem ser descartados em relação a vida humana está totalmente equivocado, tudo nesse mundo está em equilibrio, os animais nem mesmo os menores e desprovidos tem seu nível de consciência e racionalidade, ja está pra cair essa tese de que animais não pensam, é mais do que lógico que eles se organizam, comunicam e pensam, claro que não no nível humano mas têm seu certo nível de consciência e inteligência, enquanto todos viverem na mentira sob a rédia dos antigos métodos esse tipo de coisa vai sempre existir, as pessoas não entendem seu real propósito no mundo, por isso são vítimas de suas fraquezas e não valorizam a própria vida!

  • Apenas um humano disse:

    Todos os povos tiveram seus Deuses, toda e qualquer civilização que evoluiu no mundo antigo tinha seus próprios deuses, nenhuma organização de humanos daria certo se de alguma forma não desse um sentido comum a vida, ou a pós vida, o mundo antigo era cruel com os mais fracos! A religião cristã é a maior do mundo agradeça a civilização Romana, o Império que dominou praticamente toda Europa e em determinado momento da história abraçou a crença cristã e a disseminou na base da espada! O Deus unico e verdadeiro claro que será aquele do povo mais Vitorioso e mais desenvolvido não acha? enquanto os Deuses dos derrotados como dos Africanos, como do Islã no mundo moderno, serão os deuses falsos, ou até mesmo serão “endemoniados”, se os Nórdicos tivessem destruído, aniquilado e dominado toda Europa com sucesso nosso Deus unico e verdadeiro hoje nos 4 cantos do mundo seria Odin! Pense nisso, não acredite, apenas pense….

  • Fabíola disse:

    Li algumas manifestações acerca da vida humana e animal, e por experiência próprio, testemunho e comungo que as duas vidas: animal e humana, podem ser um auxílio um para o outro contra os males que afetam tanto um como o outro. O animal ele auxilia no combate a depressão e suicídio, ter um animal por perto, pode ajudar; o que menciono não é científicas te comprovado; mas, vivenciado por mim. Outro fator importante é a religiosidade, seja qual for a religião, procure Deus!

  • Fernando Gama Cavalcante disse:

    O que eu acho que esta acontecendo a dia dia que passa, é a falta de Deus no coração das pessoas e falta de diálogo dos Pais juntamente com os filhos, hoje em dia o mundo virtual está tomando conta, a tecnologia, infelizmente a máquina está dominando o mundo e aí causando essas dores em algumas famias. Vamos nos policiar mais a quem está do nosso lado.

  • Sueli Dos Santos Freitas Dias disse:

    Verdade, amo os animais tenho como filhos, tbm amo muito meus filhos. Damos amor, carinho ensinamos o caminho do bem,mas infelizmente com esse mundo é difícil, o que temos que fazer é entregar nas mãos de Deus.Essa pessoa que fez essa comparação foi infeliz, esse N gosta de animais.Que pena ele N sabe o que é receber carinho de um cão.

  • Luiz cavalcanti disse:

    Perdi meu filho dia 31/07/2019, um menino super inteligente, alegre, tinha um amor enorme pelas pessoas. Minha vida era ama-lo e respeita-lo, mostrava a ele tudo que a vida tinha de bom e ruim. Ele 13 anos.certo dia assistimos um jogo fui dormir a meia noite, dois um forte abraço e um beijo (que era comum entre nos) e as 5h da manhã encontrei ele morto na varanda com um tiro. A dor que eu e minha mulher está é enlouquecedor. Não percam tempo em comparações entre animais de estimação e afastamento entre os seres humanos. Precisamos aprender mais sobre adolescência, esse será o passo mais importante. Essa campanha SETEMBRO AMARELO é enganosa e deficiente, tímida por natureza, passa e ninguém ver.

  • Elaine disse:

    Nossa que horror… Sairão completamente do foco que é SUICÍDIO, o aumento triste de JOVENS tirando suas vidas… Ao invés de DETONAR a pessoa que fez um comentário, xeveria-se, concentrar no assunto triste dessa menina que tirou sua vida, por falta de amor, compreensão, atenção em sua própria casa… E amo os animais, eles tem que ser protegidos sim, mas tem muita gente que trata melhor um cachorrinho do que uma criança pedindo nos faróis da vida, gasta-se fortunas nos pets sbops e dão as costas para crianças jogadas em um orfanato abandodadas nas sarjetas, enxotadas como um cãozinho, ops, o cãozinho não, o cãozinho está confortavel em sua cadeirinha no carro da madame, depois do banho no pet shop, adotam-se um cachorrinho e enxotam a criança maltrapilha, faminta e abandonada nas sarjetas ,nas portas das casas e nas lixeiras, nos bueiros, nas caçambas, entre outros… Porque não se vê campanhas e defesas acirradas como esta contra a pessoa que expressou sua opiniao, para adotar uma criança ,protege-la, amá-la, visitar os orfanatos, incrivelmente hoje os animaizinhos são mais amados, cuidados e protegidos do que o ser humano, do que crianças , adolescentes em nossas próprias casas, o resultado é esse tragico que gerou a notícia… Cuidemos sim dos animais, mas que demos muito mais valor e amor as vidas que estão gritanto por socorro em nosso redor… Se levantarmos em favor deles como tanta gente se levantou acirradamente em favor dos animais contra uma pessoa por contra de seu comentário mal compreendido, já é um grande começo e esperança para muitas crianças….

  • Sueli Silva disse:

    Verdade, os jovens estão se matando. E por diversos motivos. Depressão ( falta de amor, carinho, amigos, pressão psicológica, liberdade sem controle, amigos virtuais, falta de perspectiva, sonhos, tristeza). Em todo mundo está acontecendo. Eu penso que falta olhar nos olhos, abraços sinceros, amigos verdadeiros e uma família estruturada. A valorização do ser humano. Da vida. A solidão mata.

  • Getulio disse:

    Foi visto nos comentários muitos defenderem os animais, e menosprezarem os seres humanos como comentários: “Luiz Biazzo,deixa de ser idiota! ” para defender um animal teve que maltratar um ser humano, é isto que os seres humanos tem que entender e procurar conviver mais com as pessoas. Não é porque pessoas falam e lhe magoa que você deve se isolar e procurar a companhia de um animal. muitos desvirtuaram o comentário do suicídio para defender seus próprios interesses. Talvez muitos hoje condenariam e até condenam Jesus por ter expulsados demônios e ter lançado aos porcos, se este fato acontecesse no dia de hoje apareceriam muitos para dizer que Jesus estava maltratando os animais.

  • Alice Paes disse:

    Depressão não é falta de Deus. A maior prova disso é o crescente número de pessoas que são tão fervorosas na fé. Mas, ainda assim, sofrem bastante com depressão e diversas patologias mentais e também cometem suicídio. A fé pode auxiliar sim, a depender do caso. Mas sabe quais são as medidas mais efetivas? Respeito, compreensão, amor, atenção e humanidade – por si e pelo próximo. Isso evita muito sofrimento!

  • Luiz Claudio disse:

    Que Deus dê paz e conforto a sua alma.⚘

  • Marinho albano disse:

    Bom dia… Talvez a irmã quis colocar algumas atitudes,que com certeza não é o caso vcs, mas temcasal ,que prefere ter um animal na casa do que um filho, talvez ela quiz dizer isso, e por essa atitude ser a minoria (acredito eu), fica como comentário sem fundamento…
    De fato é preciso orarmos pelas famílias, abraços

  • Antonio José disse:

    Lamentavelmente a época que vivemos é fruto da tecnologia acelerada e por consequência fruto da individualidade instalada! O que queremos é estar em nosso mundo fechado e intransponível, relacionando somente com o que nos faz feliz, seguro, sem que vejamos o próximo como o outro que nos pode questionar, tirar da zona de conforto, enfim nos desagradar! Relacionamentos entre indivíduos ou grupos não são mais os interesses das pessoas! É por isso que caminhamos para a individualidade consentida, onde eu não necessito de você e vice-versa. As pessoas por vezes nem se veem nos espelhos para não quererem constatar o quanto pobres de espírito são!

  • Sebastiana Ferreira disse:

    Gente não é só a falta de fé e também falta de ocupação de ter o que fazer além de estudar, agora só vivem para estudar se acham cheios de cobrança só pra estudar, e o as outras coisas da vida tarefas horário pra dormir acordar, tudo isso faz falta na vida cotidiana de crianças e jovens, agora para ir para baladas até de madrugada uma criança de 13 anos pode e isso está certo, ora ora me desculpem pais e mães enfrentem de frente esses pulhas das leis imorais que estão ditando nossas famílias a serem o que Deus não ordenou, assasino, estuprador, mulher ,homem mulher, eu não sou esse tal de homofobico masponham a mão na consciência e revejam os conceitos não é moralismo olhem ara que rumo estamos levando nossas crianças o futuro da nação em que ponto condição vai ficar essa nação, é muito triste não podermos chegar lá e derrubar todas essas podridoes que estão ditando o final da raça humana….

  • Marcos Vilberto Pereira de Lima disse:

    Eu tinha uma gata ( foi atropelada, morreu… chorei muito… )Tenho um gato e um cachorro mas, jamais os terei como um filho…
    O amor que tenho pela minha filha é incomparável, imensurável é extremamente infinito…

  • Carlos Roberto Inácio disse:

    Na minha opinião temos que cuidar das pessoas e também dos animais indefesos. A cada dia aumenta a taxa de suicidios no Brasil, Domingo dia 15/09/2019 uma pessoa no meu bairro cometeu o suicido. Vamos orar e vigiar porquê estão acontecendo coisas horriveis nese mundo e nós estamos iniferente.

  • Lindalva disse:

    Meus sentimentos a toda família, que nesse momento se encontram com um mix de perguntas. Porque aonde eu terei, em fim ser solidário com a dor do outro já nos colocam em uma posição de igualdade. Obs.: respeito todos os comentários, nada a tira nem acrescentar. Mais o suicídio é um caso muito sério que está ceifando à vida de muitos jovens. Tenho duas pessoas que amo que estão passando por essa situação dolorosa, é uma dor na alma, que umas dessas pessoas está se cortando, falo com ela todos os dias mais é muito difícil encontrar palavras para tirar essa ideia diabólica da mente, ela já fez 3 tentativas. Muito triste tudo isso precisamos nos unirmos em amor, compreensão, respeito está sempre se colocando no lugar do outro antes de qualquer julgamento! Não conheço a família da jovem, tomei conhecimento através da postagem de uma amiga! Mais esse assunto eu já venho pesquisando a algum tempo para ajudar outras pessoas!

  • Anônima disse:

    É exatamente o contrário do que o Luiz falou, um animal pode salvar a vida de uma pessoa, pois minha cachorrinha salvou a minha, eu estava vazia, sem muita esperança, mesmo rodeada de pessoas me sentia só. Ela entrou na minha vida ocupou todos os espaços vazios, completa minha vida, me faz companhia me faz feliz, e hoje eu sinto que tenho obrigação para com ela, um motivo para continuar lutando.

    • Se o senhores observarem bem, todos os comentarios só confiram a observação do amigo Luis, a maioria se preocupou apenas em defender as criticas aos animais e se esqueceram que uma adolescente se matou por falta de atenção dos pais e dos assistentes pedagogicos da escola e governo. O tema é o suicidio de humanos, animais não se suicidam
      As doenças psicologicas comportamentais estão em foco, a influencia das redes sociais e televisivas juntando a negligencia dos pais em não observar essa má influencia estão contaminandos nossas familias e jovens

  • Miguel disse:

    Bom lendo tudo isso só me resta falar que existe pessoas com bastante tempo e pouco serviço pra ficar debatendo e discutindo sobre que gosta mais de animais e quem gosta menos de seres humanos. Por isso o Brasil tá assim mesmo!!! Bora trabalhar????

  • Suelen Zanona disse:

    Concordo, todo mundo preocupado com o comentário sobre os animais. E esquecendo a dor dessa menina e da família.
    Não entenderam o que ele disse…
    O assunto suicídio é tabu, antiético publicar, enquanto deveria ser discutido e tratado.
    Mas quando é com algum animal maltratado vira assunto nacional de indignação e proteção.
    Poder público e população têm que parar de ser hipócrita e tentar resolver essa situação. Mais de 30 suicídios por dia no Brasil, principalmente jovens.

  • Adriano disse:

    Hoje os filhos estão perdendo espaço para os celulares, rede sociais… preferem curtir fotos, vídeos e fofocas do que ter a velha e boa conversa.
    Cuidado !!! seu filho pode estar agora mesmo no quarto escrevendo sua carta de despedida, e planejando mais uma tragédia.

  • João Fonseca disse:

    Ninguém trabalha aqui não ?

  • Eu não sei disse:

    Podem fazer quantos setembros amarelos , roxos , azuis quiserem se os homens continuarem à se reproduzir inresponsavelmente e fazer essas famílias destruturadas é esse tipo de absurdo que vai ter pra ler .Eu bem sei o que estou falando, vivo em uma e é terrível . É muito traumático viver em uma família assim. Agora, eu não tenho fortes motivos na minha vida pra continuar vivendo. Uma bosta de azar mesmo! Não gosto de me ver triste, mas uma vez tive vontade de morrer mesmo. Parece que estou carregando um fardo gigante nas minhas costas e nunca vai acabar ou isso vai me matar um dia. As vezes acho que não adianta fugir e nem pedir socorro que as pessoas são ruins não vão ajudar mesmo . É um mundo bem injusto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.