Secretaria de Saúde de Juazeiro realiza ação no Dia Nacional da Luta Antimanicomial

O Dia Nacional da Luta Antimanicomial é celebrado em 18 de maio. Para chamar atenção para esta data, os usuários dos serviços dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) de Juazeiro vão realizar uma ação que visa sensibilizar a comunidade para a importância da saúde mental. O evento será na Praça Barão do Rio Branco, a partir das 08h.

De acordo com a diretora de Saúde Mental da Secretaria de Saúde (Sesau), é o segundo ano que acontece o ‘CAPS na Praça’. “É um momento em que os usuários dos três CAPS –  Infantil (I), Álcool e Drogas (AD) e II – vão apresentar o resultado do que vêm produzindo”, explica. A programação conta com a apresentação do coral do CAPS i, a exposição da oficina de ‘Arte em Couro’ do Caps AD, além do recital de poesia e da mostra dos painéis pintados em tela pelos pacientes do CAPS II.

Na ocasião, ainda haverá a participação da equipe do ambulatório de saúde mental do município, com intuito de conscientizar a população sobre o cuidado com a saúde mental. Além disso, estudantes do curso de Farmácia da Universidade do Vale do São Francisco (Univasf) também participam do ato, para orientar a população acerca do uso racional dos medicamentos psicotrópicos.

Ainda segundo a diretora de Saúde Mental, o Dia Nacional da Luta Antimanicomial acontece para que a população reflita sobre os direitos conquistados e dar continuidade à luta pela legitimação de novos direitos. “Em Hospitais Psiquiátricos (ou manicômios) os pacientes eram internados e tinham seus direitos desrespeitados. Já o CAPS é um serviço que o próprio usuário busca e escolhe se quer ou não seguir o tratamento, dentro de uma proposta de atenção e cuidado. A luta antimanicomial preza pela liberdade do indivíduo e, também, é focada no combate aos preconceitos que envolvem as doenças mentais”, conclui.

Andréa Meireles/PMJ

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*