124 deputados da base aliada de Temer são contra a reforma da Previdência

 

Cerca de 124 deputados de partidos da base aliada do governo Michel Temer (PMDB) declaram voto contra a reforma da Previdência. Somando parlamentares de outros partidos, o número de votos contrarios à proposta governista chega a 215. As informações são de um levantamento publicado pelo Estadão neste sábado (9) 

Dentro do próprio PMDB, ainda não há unanimidade: dez deputados afirmam ser contrarios à reforma, e apenas doze confimararam o apoio. Que manter a opinião desfavorável ao governo, poderá sofrer punições. O PTB, que também assumiu a postura de obrigar os integrantes à se posicionarem a favor, também sofre com a divisão.

A emenda, apontada pelos defensores como uma das saídas para a crise econômica, necessita de 308 votos para ser aprovada, em um total de 513 deputados. Atualmente, com 215 votos contra, dez a mais do que seria suficiente para proposta ser rejeitada..

Na bancada do PSDB, criticada recentemente por suposta falta de apoio ao governo, 12 dos 46 parlamentares são contra as mudanças na Previdência. Segundo o líder dos tucanos na Câmara, deputado Ricardo Tripoli (SP) disse que houve “falha grande na comunicação”por parte do governo Temer.

 

Fonte Bahia.BA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

*