“Stop Car”: Polícia Civil desarticula quadrilha envolvida em roubo de cargas, tráfico, receptação e lavagem de dinheiro 

(foto: divulgação)

Foi divulgado nesta quinta-feira (24) pela Polícia Civil de Petrolina, o resultado da operação “Stop Car”. Deflagrada na manhã da última quarta-feira (22), a ação desarticulou uma quadrilha que agia no sertão de Pernambuco praticando roubo de cargas, tráfico de drogas, receptação e lavagem de dinheiro.

Foram cumpridos 18 mandados de busca domiciliar, além de 6 prisões. Também foram apreendidas 788 gramas de crack, 8 kg de cocaína, 334 gramas de pasta base, em espécie, mais de R$ 60 mil, armamento, munição e veículos. A operação recuperou ainda dez toneladas de produtos de limpeza que haviam sido roubados em Orocó (PE) e que estavam escondidos em Petrolina. A carga avaliada em R$ 39.000 estava sendo oferecida a comerciantes por R$ 22.000.

“Foi um trabalho bem positivo que a polícia fez, isso é bom para Petrolina porque são pessoas que estavam trazendo um grande prejuízo aos jovens e crianças e a gente vê um resultado grandioso e satisfatório”, disse o delegado Magno Neves.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações apontaram que o grupo utilizava uma empresa de fachada para comercializar drogas, lavar dinheiro e roubo de cargas na região. O estabelecimento era gerido por Alysson Michel Sales Vieira e Euclides Ferreira Lima Neto, responsáveis por comprar as drogas e repassar a traficantes menores. A dupla ainda teria pago Kallyff Gil Passos de Brito para esconder uma carga avaliada em R$ 39 mil em sua residência.

A investigação apontou para o envolvimento de Anderson Luan dos Santos e José Carlos dos Santos, presos em março desse ano. Eles seriam outro elo do grupo, refinando os entorpecentes no Alto do Cocar, a pedido de Alysson e Euclides.

Os presos foram encaminhados para a Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes, no município.

As investigações duraram cerca de 11 meses e a operação foi realizada com 150 Policiais Civis e Militares nas cidades de Petrolina, Salgueiro e Ouricuri, no Pernambuco, e em Casa Nova, na Bahia.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.