“Estamos parecendo porcos em meio a lama”, reclama morador do Itaberaba, em Juazeiro-BA

e7ced5b0-9088-4a9b-9231-cc57bb2403bf
bb0ab035-53d1-426a-b3c6-90df01feade5
957991c9-6628-4023-9ea8-b40e180d3125
a69b18c4-d831-4330-9ac8-08c41339563c
82ee2da1-d23a-43e6-a74d-03cc7f3787aa

(fotos: reprodução/Whatsapp)

Durante o programa Palavra de Mulher desta quarta-feira (5), Josuelson Santos, morador do Itaberaba, em Juazeiro, relatou que a comunidade está sofrendo as consequências das chuvas que caem na cidade desde o último domingo (2). Devido a falta de pavimentação, os moradores estão sendo obrigados a conviver com a lama que invadiu as principais ruas do bairro.

De acordo com ele, os moradores da Travessa da Olaria estão sendo os mais prejudicados. “Pedimos socorro! Estamos parecendo porcos em meio a lama. Enquanto isso, a rua que o vereador mora esta calçada. Nem para jogar um ‘cascalho’ esses representantes servem, é uma vergonha essa gestão municipal”, reclamou.

Os transtornos que os moradores da localidade vêm enfrentando desde domingo, são velhos conhecidos. De acordo com Josuelson, sempre que chove, a situação se repete.

“Na última enchente, em 2016, a água chegou a dois metros de altura. Não tivemos nenhuma assistência do poder municipal. Os únicos que vieram aqui foram alguns pré-candidatos a vereador , que prometeram indenização, mas só foi para ganhar o voto do povo”, relatou.

Segundo Josielson, a Prefeitura de Juazeiro justifica que a falta de calçamento e de saneamento básico se dá pelo motivo de a travessa não está registrada no mapa da cidade. “Quando Isaac Carvalho era prefeito questionamos sobre melhorias para barrar as enchentes. Ele simplesmente falou que não seria realizado nada porque a rua não está no mapa do município. Isso é uma vergonha. Pagamos água, energia , coleta de lixo e impostos. Será que não merecemos o mínimo de reconhecimento por parte da poder municipal? É uma lástima”, lamentou o morador.

Além da falta da rede de saneamento básico e do calçamento, a população do bairro também convive com a iluminação precária.

As reclamações de Josuelson Santos foram encaminhadas pelo PNB para a Prefeitura de Juazeiro.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.