Fachin dá prazo para que a PGR se manifeste sobre inquérito que investiga Aécio Neves

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), deu um prazo de 5 dias para que a Procuradoria-Geral da República (PGR) se manifeste sobre o destino de um dos inquéritos que investigam o deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG), que está em tramitação.

Fachin pede para a PGR se posicione pelo arquivamento do caso, oferecimento de denúncia ou continuação das investigações sob a orientação do STF ou em outra instância.

Da Redação

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.