Primeira noite do CarnaJua 2019 finalizou com sucesso e tranquilidade

 

Após uma noite de grandes atrações e de um público estimado de mais cem mil (100000) pessoas que, a despeito da chuva abençoada que caiu na cidade na noite desta sexta-feira, foram para as ruas prestigiar o Carnaval de Juazeiro 2019; a manhã deste sábado, dezesseis de fevereiro, começou com a Reunião de Avaliação da Primeira Noite do Carnaval.

Participaram da Reunião os principais órgãos envolvidos na execução da grande festa momesca, Instituições como a Polícia Militar da Bahia (PMBA), Polícia Civil, Departamento de Polícia Técnica, Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (COELBA) e Prefeitura Municipal de Juazeiro, entre outras se reuniram para avaliar a atuação da noite anterior e sanar as possíveis pendências ocorridas, a fim de proporcionar um Carnaval ainda melhor para os foliões de sábado e domingo.

A PMBA, através do Comando de Policiamento da Região Norte (CPRN) empregou na avenida na primeira noite mais de seiscentos (600) homens e mulheres que se empenharam para garantir uma festa tranquila para todos; e os números da noite revelam um pequeno quantitativo de ocorrências registradas, foram quantificadas sete (07) conduções realizadas pela PMBA que passaram por delitos como: furto, uso de drogas, violência contra a mulher e porte ilegal de arma branca.

Os furtos foram em maior quantidade, 3 registros, fato que geralmente ocorre em festas populares, pois indivíduos mal intencionados se aproveitam da aglomeração de pessoas para furtivamente se apropriarem de bens alheios.  Outro delito que se destacou nas ocorrências foi a agressão a uma mulher na Avenida Adolfo Viana, onde testemunhas viram o fato e de imediato chamaram uma patrulha da PMBA que fez a condução a Policia Civil onde foi lavrado o flagrante delito.

Vale registrar que não houve delitos de maior vulto, como: porte de arma de fogo, tentativa de homicídio, nem tampouco o homicídio consumado.

 Para o coronel Anselmo Bispo, comandante do CPRN, os baixos registros de ocorrência se devem principalmente ao empenho da tropa em garantir a segurança do folião, mas também ao aporte tecnológico que a PMBA empregou nas festividades, segundo ele “a tecnologia apoiando o homem no terreno é fundamental, para que possamos melhorar ainda mais a execução do serviço que é extremamente delicado, face a grande ingestão de bebidas alcoólicas e drogas probidas além dos ânimos alterados durante a festividade, assim a tecnologia vem ampliar nosso olhar humano para que não aconteçam injustiças”

O Carnaval esta só começando e a PMBA segue com o compromisso de bem servir a população e garantir um Carnaval Antecipado de Paz para todos.

Ascom CPRN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.