Andrezza Santos lança clipe de “Não Passarão”, canção vencedora do Festival Edésio em 2018, no Dia Internacional da Mulher

(foto: Abajur Soluções Audiovisuais)

A cantora Andrezza Santos lança nesta sexta-feira (8), Dia Internacional da Mulher, o videoclipe da música “Não Passarão”. A canção foi lançada durante o Festival Edésio Santos da Canção, realizado em Juazeiro (BA), no ano passado, e foi agraciada com diversas premiações.

A composição de cenas do clipe foi criada a partir da linguagem de colagem, recurso que propõe a criação de outras realidades e mundos possíveis, através da sobreposição de imagens aparentemente desconexas, mas que quando reordenadas em outros arranjos, criam conexões.

“A música ‘Não Passarão’ propõe exatamente isso, pois através de jogos e reordenações de palavras, se constrói um discurso de empoderamento e critica algo que já está estabelecido sobre a mulher em nossa sociedade. Assim, o clipe é uma grande colagem, uma vez que reordena palavras, imagens e discursos, de modo a convidar o espectador a imaginar e cantar com Andrezza Santos, um mundo menos opressor e preconceituoso”, ressaltou André Brandão, diretor geral e roteirista.

“Não Passarão”, composição da cantora com o rapper juazeirense Euri Mania (P1 Rappers), é uma das canções que compõe o primeiro álbum de Andrezza Santos, “Alto Lá”, lançado nas principais plataformas de streaming da internet em janeiro deste ano.

A música também foi destaque na 21ª edição do Festival Edésio Santos da Canção, em 2018. A cantora arrematou os prêmios de ‘Melhor Canção’, ‘Júri Popular’ e ainda conquistou o prêmio de ‘Melhor Intérprete’.

O clipe vai ser disponibilizado no canal oficial da cantora no Youtube, a partir das 19h.

Ouça a música em sua plataforma preferida: https://bit.ly/2TD2nti

Acesse o canal de Andrezza Santos no Youtube: https://bit.ly/2EyMeP5

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.