Risco de acidente: calçada estreita inviabiliza a passagem de pedestres na Avenida Adolfo Viana, em Juazeiro

A busca pela mobilidade urbana é um desafio que grande parte das cidades brasileiras enfrentam nos dias atuais. As gestões devem estabelecer diretrizes que possam melhorar e facilitar o deslocamento das pessoas e bens na cidade, permitindo assim a movimentação fluída e prática. As calçadas públicas, assim como o transporte coletivo, devem ser vistas como um importante fator para o que se conhece por mobilidade urbana. Em Juazeiro (BA), não é diferente.

Não é difícil andar pela cidade e se deparar com calçadas esburacadas, cheias de degraus e estreitas. Até mesmos naquelas vias que são mais movimentas e estão na região central da cidade. É o caso do flagrante feito por um leitor, que preferiu não se identificar, na Avenida Adolfo Viana, uma das principais da cidade.

Quando passava de carro pela via, ele flagrou o exato momento em que um idoso, que apresenta algum tipo de deficiência motora, tenta passar, com dificuldades, por uma calçada estreita situada na avenida. O homem é obrigado a caminhar pelo asfalto, na via destinada aos carros e motos, para poder seguir caminhando. Toda essa situação é ocasionada porquê parte da calçada foi ocupada devido a construção de um estabelecimento comercial.

“A loja tomou, acredito eu, mais da metade da calçada onde seria um local de trânsito do pedestre. Nessas fotos a seguir, mostra um senhor deficiente físico tendo dificuldade de se locomover pela calçada apertada a poucos metros do carro. Fico me perguntando o que aconteceria se passasse um carro em alta velocidade? Isso é correto?”, questionou o leitor.

20190309_105259
20190309_105301
20190309_105301(0) (1)
20190309_105303

(fotos: reprodução/email)

O PNB esteve no local e verificou a situação. Populares informaram que no final da tarde a situação é ainda mais preocupante, tendo em vista que o fluxo de pedestres que circulam pela calçada é maior, assim como também o fluxo de carros e motos. Dessa forma, os pedestres também são obrigados a transitar pelo asfalto, deixando o risco de acidente ainda mais iminente.

IMG_1503
IMG_1516

(fotos: Thiago Santos/PNB)

O PNB entrou em contato com a Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (SEDUR) de Juazeiro, que informou que “a Avenida Adolfo Viana está passando por uma requalificação urbana com o objetivo principal de promover a acessibilidade. Nesse sentido, está prevista a reestruturação das calçadas de toda a avenida, a fim de atender as dimensões adequadas – uma largura mínima de dois metros, e incluir o piso tátil e rampas de acessibilidade”.

Já sobre a calçada citada pelo leitor, a SEDUR diz que “será necessário um diálogo com a Secretaria de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (SEMAURB) e com a Procuradoria Geral do Município, visto que há, neste caso, um avanço do imóvel sobre a calçada”.

Da Redação por Thiago Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.