Advogada aponta falhas em Canil Gatil de Juazeiro e SESAU se manifesta em nota

 

Em entrevista ao programa Palavra de Mulher/Web, advogada e ativista na causa animal, Valentine Oliveira, falou sobre a Audiência Pública que será realizada para discutir a situação dos animais errantes em Juazeiro-BA . O evento está marcado para acontecer no próximo dia 4 de junho, às 19h, na Câmara de Vereadores de Juazeiro.

Durante a entrevista, Valentine também falou sobre a falta de políticas públicas direcionadas aos animais de rua e apontou deficiências no Canil/ Gatil do município.

Veja a entrevista completa:

Em resposta às críticas da advogada e ativista, a Secretaria Municipal da Saúde fez esclarecimentos sobre o funcionamento do Canil/ Gatil.

Veja a nota na íntegra:

 

A Secretaria Municipal da Saúde informa que o setor do canil-gatil funciona de segunda a sexta-feira no período da manhã, o mesmo é vinculado ao setor de epidemiologia da Vigilância em Saúde. Não tem criação por decreto, perante as portarias federais do Ministério da Saúde, este obriga que cada um dos municípios que sejam áreas endêmicas para epidemias de leishmaniose e raiva que tenham um setor especializado, inclusive essas duas zoonoses são preocupantes e questão de saúde pública. Não vem orçamento destinado para o canil gatil.

A estrutura do canil gatil foi completamente reformada em 2018. Trabalhando na busca ativa por zoonoses de preocupação com a saúde pública fica o setor de endemias com agentes de leishmaniose e no prédio do canil gatil fica um veterinário e uma equipe o auxiliando. Juazeiro não tem Centro de Zoonoses porque não foi contemplado.

 

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.