Selecionados

“A culpa é minha e dou a quem eu quiser!” Por que os outros são sempre os culpados? – Por Luciandra Pinheiro

  O ser humano tende a buscar culpas e culpados fora de si mesmo. Uma prática comum se levarmos em consideração a tendência individual de autopreservação que atribui mérito a si próprio pelos acertos e aos outros a culpa pelo fracasso e insucesso, ou seja, tudo aquilo que conquistamos de positivo, atribuímos às nossas virtudes; já os nossos fracassos estão atrelados aos outros. Raul Seixas, em uma das suas canções já ...

Ler mais »

“O golpe é sistêmico”- Roberto Malvezzi (Gogó)

  “Não disse muita coisa para não desanimar os missionários, mas esse golpe é sistêmico”. Foi esse o comentário que D. Erwin Krautler me fez num evento da Laudado Sí em Feira de Santana, Bahia. Ele vinha da assembleia do Conselho Indigenista Missionário. O massacre sobre os povos indígenas, constante em nossa história, volta a níveis indescritíveis mesmo para um país que nunca foi civilizado. O golpe ataca todas as ...

Ler mais »

“Vai aí um textão????”- Por Sebastião Simão Filho

  Imagino que Fatel esteja se divertindo com toda essa polêmica em torno de sua música. Eu também. Pelo menos assim me parece, pois ele ainda não meteu as caras no meio desse tiroteio todo, e faz bem. Infelizmente não vi ao vivo sua defesa no palco. Mas em vídeo. E a música é muito legal, divertida e em sua performance… não é que o caba se saiu bem!? Parabéns. ...

Ler mais »

...

“Quem roubou nossa coragem”?- Por Ivânia Freitas

  Horrores diários batem à nossa porta. São tantos  que nem dá tempo de nos espantarmos mais. A sensação é que passamos direto para o estágio do “nada mais me surpreende” e tudo agora é absolutamente “normal”. Eu, na briga para combater o desânimo que insiste em pausar meus sonhos, ainda encontro forças para me questionar sobre essa incompreensível letargia que se apossou de nossas almas. Às vezes brinco com ...

Ler mais »

...

“É ruim, é doloroso, mas passa!! A difícil tarefa de lidar com as perdas” – Por Luciandra Pinheiro

  Todos os dias estamos em contato com eventos e fatos relacionados a perdas. Sejam elas físicas, emocionais, sociais ou psicológicas. Contudo, desejamos em nosso imaginário que o sofrimento humano e as perdas de um modo geral estejam muito distantes de nossas realidades cotidianas. Quando estas se tornam um fato real, muito perto de nós, como costumamos reagir? O que fazer para aceitarmos as condições a nós impostas diante do ...

Ler mais »

...

Dicas para o ENEM: Redação-Por Otoniel Gondim

  ME APRESENTANDO…   Ao leitor em geral, vestibulandos e demais, antes que danadinhos duvidem que não é de Euzinho Gondim, aviso que o modo de escrever esse texto vai ser desenvolvido de forma protocolar ,burocrática e em conformidade com a norma-padrão que a REDAÇÃO do Enem  requer, cobra e exige. O meu ímpeto como pretenso a simples- metido -escritor tem.o peculiarismo nato de sempre utilizar-se-me da inspiração, pouca ainda, ...

Ler mais »

...

Medicalização da vida: No Caminho da normalidade? – Por Luciandra Pinheiro

  O ser humano está doente. Esta é uma afirmação que muitos de nós já ouvimos ou reproduzimos em algum momento. Mas será que temos de fato a noção do que isso significa? Imersos numa busca incessante por um padrão de “normalidade”, caminhamos atentos a tudo que demanda tal conceito. Ser normal só pode ser definido junto com o seu contrário, o anormal ou patológico, um não pode ser apreendido sem ...

Ler mais »

...

Sei em quem NÃO vou votar em 2018 – Por Roberto Malvezzi (Gogó)

  Não sei em quem votarei em 2018, mas já sei em quem não vou votar. Não voto em nenhum deputado que votou pelo golpe no país. Eles são mais de 360. Não voto também em nenhum senador que confirmou o golpe. Eles são mais de 60. Eles destruíram o fiapo da democracia que tínhamos e implantaram no Brasil uma ditadura civil. Não votarei em nenhum deputado ou senador que ...

Ler mais »

...

Hidrocídio Brasileiro- Por Roberto Malvezzi (Gogó)

  A cada dia chega a notícia da morte de um rio, ou que um rio famoso agoniza. Afluentes dos grandes rios brasileiro estão sendo mortos às centenas, aos milhares, num verdadeiro hidrocídio, isto é, a matança das águas. Esses dias nos chegou a visão do leito seco do Paracatu, um dos maiores afluentes do São Francisco. No ano passado, em Macapá, me contaram que a pororoca do rio Araguari ...

Ler mais »

...

Hidronegócio: privatização da Eletrobrás, privatização das águas – Por Roberto Malvezzi

Há tempos o hidronegócio busca mecanismos de privatização das águas brasileiras. Constitucionalmente tidas como um bem da União, nossas águas não podem ser privatizadas. A Constituição Federal no artigo 20, inciso III, estabelece que são bens da União os lagos, rios e quaisquer correntes de água em terrenos de seu domínio, ou que banhem mais de um Estado, sirvam de limites com outros países, ou se estendam a território estrangeiro ...

Ler mais »

...