Selecionados

Nosso DNA político: Geddel blindado pelos compadres e Renan contra o “abuso”- Por Laerte Cerqueira

“Dois movimentos políticos são destaques nas últimas horas e mostram um pouco do nosso DNA político. Aliás, a pior parte dele. No caso de Geddel Vieira Lima, ministro-chefe da Secretaria de Governo, protegido do presidente Michel Temer, é vergonhoso o movimento para blindá-lo. A força-tarefa de líderes da base, peemedebistas ou não, tentam fingir que nada aconteceu, tentar tirar o assunto da agenda. Como se o “pecado” do protegido fosse ...

Ler mais »

No Brasil pós-democrático, “tudo é perigoso” – Por Ivânia Freitas

“A onda reacionária que vivemos no Brasil desde abril deste ano, requer cuidado dobrado em todas as questões que envolvem os princípios básicos democráticos, tendo em vista o estado de exceção que se legitimou até aqui. Ou seja, a mesma lei que serve a um não serve a todos. Não há lei quando se trata de uns mas há brechas que podem ser acionadas, quando se trata de outros.   ...

Ler mais »

Prisões de Garotinho e Cabral devem estar provocando ‘calafrios’ em muitos políticos- Por Laerte Cerqueira

“A prisão dos maiores empreiteiros do Brasil acendeu a luz amarela. Há algo novo. Talvez fugaz, talvez mais longo. Ainda há dúvidas sobre a perenidade de exemplos como esses. A condenação deles foi uma espécie de ação pedagógica num país que precisa de referências para melhorar. A prisão do ex-deputado Eduardo Cunha aumentou a intensidade dessa luz amarela. Mãos começaram a suar. Mas Cunha era odiado pela maioria. Quase unanimidade. Bola cantada ...

Ler mais »

...

Prefeito de Juazeiro participa de audiência pública do Senado Federal sobre Seguro Rural

O prefeito Isaac Carvalho participou, na tarde desta sexta-feira, 18, no Grande Hotel de Juazeiro, de audiência pública promovida pelo Senado federal, em Juazeiro, para tratar de temas como Seguro Rural e a Lei que aplica a renegociação de dívidas de produtores. O evento reuniu produtores, instituições financeiras e teve os trabalhos conduzidos pelo senador pela Bahia, Roberto Muniz. A reunião faz parte do ciclo de debates e palestras da ...

Ler mais »

...

Docência metonímica – Por Álamo Pimentel

A imposição da reforma do Ensino Médio abriu um campo de disputas para a defesa de modos únicos de ensinar-aprender. A mídia impressa hegemônica tem se esforçado para afirmar discursos de exaltação de professores exemplares e pesquisas que enfatizam relações imediatas entre personalidades docentes e desempenho didático-pedagógico como pressuposto da melhoria do ensino. Neste cenário, formam-se representações de uma totalidade docente em que o trabalho do ensino é mensurado pela ...

Ler mais »

...

NÃO À PEC 241 – Por Otoniel Gondim

A PEC 241 formulada nos gabinetes burrocráticos do governo golpista é uma clara afronta, em todos os moldes possíveis e impossíveis, ao país,à sua sociedade e ao seu povo. Uma Proposta de Emenda Constitucional visando, sumariamente, dar sustentáculo a uma política tirana golpista,reacionária, no esteio desumano de usurpar os direitos   adquiridos pela classe trabalhadora e afetar a população de forma drástica em todas as áreas, principalmente  ,a  da educação, a ...

Ler mais »

...

A servidão cognitiva – Por Álamo Pimentel  

A imposição da Reforma do Ensino Médio articulada à adoção de medidas restritivas de financiamento público da educação conduz o Brasil, neste momento, à radicalização do jugo do Estado aos interesses do mercado. Há intersecções perversas entre a MP 746/2016 (que institui a reforma do EM) e a PEC 241/2016 (que a caminho do Senado Federal passa a ser denominada PEC 55), sobretudo no que diz respeito ao financiamento das ...

Ler mais »

...

Sensibilidades estudantis, sensibilidades cidadãs – Por Álamo Pimentel

Os estudantes secundaristas que ocupam centenas de escolas em 11 estados brasileiros expõem sensibilidades cidadãs sob a forma de potência para a luta contra a arrogância política e o autoritarismo do atual governo. A pluralidade dos manifestos contra a Medida Provisória 746/2016 (que impõe a Reforma do Ensino Médio) e a Proposta de Emenda Constituição 241/2016 (que impõe um novo regime fiscal para os próximos 20 anos) abre ricos e ...

Ler mais »

...

PROFESSORES LIBERTOS? A todos os professores.

 A verdadeira natureza das coisas não podem estar perdidas.Brother leitor das coerências, inicio esse breve e inusitado ensaio ouvindo, tardezinha tosca, Mercedes Soza e Joan Baez entoando “ GRAÇAS  A LA VIDA””. Belamente, bela. belíssima. Xi, com razão, hiperbolizei… Lavradores, poetas,escultores, filósofos, Professores, cada qual a seu bel modus universus, abriram, abrem, abrirão sempre portas de mundos que ,por vezes , nem se pode dominar : Os do pensamento, do ...

Ler mais »

...

O fermento da maldade – Por Álamo Pimentel

” A intolerância expressa um sentimento coletivo produzido lenta e silenciosamente no cotidiano de grupos sociais que cultivam (e cultuam) diferentes formas de totalitarismo.  Age como dispositivo de subjetivação que fermenta a maldade contra as diferenças sociais para o prevalecimento de suas verdades únicas. O ódio e a estreiteza de visão constituem dois dos principais elementos expressivos das diferentes formas de intolerância. A ruptura da democracia no contexto brasileiro atual favorece ...

Ler mais »

...