Agrovale doa 7 mil mudas nativas da Caatinga para o programa ‘Orla Nossa’ de Petrolina

(foto: divulgação)

O projeto ‘Viveiro de Mudas Nativas’ da Agrovale, que em 12 anos de existência já doou 312 mil mudas de espécies nativas da Caatinga para 45 municípios nordestinos, será um dos principais parceiros do programa ‘Orla Nossa’ em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. A assinatura do termo de doação de 7 mil mudas para recuperação de 12 hectares de mata ciliar na margem pernambucana do Rio São Francisco aconteceu na manhã desta quarta-feira (30) durante reunião na sede da empresa sucroalcooleira, em Juazeiro-BA.

De acordo com o diretor da Agência Municipal de Meio Ambiente de Petrolina (AMMA), Geraldo Miranda, o programa ‘Orla Nossa’ faz parte do Plano de Recuperação de Área Degradada (PRAD) para reflorestamento da mata ciliar e limpeza da área que vai do Círculo Militar na Orla II até o último restaurante da via. O trecho é completamente cercado para delimitar e proteger o local.

“Depois da análise do solo, implantação do sistema de irrigação vamos fazer o plantio das espécies da Caatinga a exemplo de ingazeiro, marizieiro, jatobá e caraibeira”, ressaltou. Geraldo Miranda destacou ainda que a primeira fase do programa deve ficar pronta em dezembro próximo e no ano que vem serão implantadas trilhas ecológicas para visitação pública. Agradecemos a Agrovale pela imprescindível parceira”, pontuou.

O vice-presidente da empresa, Denisson Flores, lembrou que vem de longe a parceria da Agrovale com Petrolina. “Assim como em diversos municípios nordestinos sempre estamos presentes em Petrolina e Juazeiro com projetos socioambientais de relevância. A doação de mudas vem ampliando a cobertura verde das cidades em projetos de arborização, paisagismo, repovoamento ou reflorestamento de áreas degradadas. Esta é mais uma contribuição nossa para uma maior sensibilização e sustentabilidade ambiental da biodiversidade regional”, concluiu.

*com informações da Clas Comunicação e Marketing

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.