INSS prorroga interrupção do bloqueio de benefício por falta de prova de vida

O governo federal prorrogou até o fim de outubro a interrupção da rotina de bloqueio do pagamento dos benefícios do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) por falta de realização da comprovação de vida.

A portaria foi publicada nesta 5ª feira (15.out.2020) no DOU (Diário Oficial da União).

Obrigatória para o recebimento de aposentadoria, auxílios e pensões, a prova de vida deve ser feita todos os anos, no mês de aniversário do segurado, na agência bancária onde o benefício é sacado. Caso o próprio segurado não possa comparecer, algum representante legal pode ir em seu lugar. Por causa da pandemia de covid-19, o procedimento está suspenso desde março.

A suspensão vale tanto para os beneficiários que moram no Brasil quanto aos residentes no exterior.

INSS TEM PROJETO-PILOTO DE RECONHECIMENTO FACIAL
Em agosto, cerca de 500 mil beneficiários do INSS em todo o país começaram a testar a prova de vida por biometria facial. A prova de vida digital será feita por aplicativos do Governo Digital (Meu gov.br) e Meu INSS com o uso da câmera do celular. Como se trata de 1 projeto-piloto, o ícone para a prova de vida digital só estará disponível para os usuários escolhidos. O INSS fará contatos com segurados por SMS, e-mail e telefone, convidando para a iniciativa.

Para evitar fraudes e ter a certeza de que o segurado está sendo contatado pelo INSS, o órgão informa que o remetente que enviará o SMS será identificado como 280-41. Qualquer mensagem sobre prova de vida com origem em números diferentes deve ser ignorada. Quem tiver dúvidas pode ligar para o número 135 e conferir se a notificação é verdadeira.

Poder 360

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.