Recursos da Lei Aldir Blanc são liberados para trabalhadores da cultura de Petrolina

(foto: Jonas Santos)

Já estão disponíveis nas contas de centenas de profissionais da classe cultural, os valores dos editais da Lei Aldir Blanc de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Seis propostas foram aprovadas no Edital 002/2020 e foram computadas mais de 870 inscrições para o Edital 003/2020, dessas, 694 foram habilitadas, de acordo com os critérios previstos na lei.

Ao todo, segundo a prefeitura, estão sendo injetados na cadeia produtiva da cultura do município R$ 2.015.000,00. Após o recebimento, os espaços culturais e os trabalhadores premiados terão até 100 dias para realizar a contrapartida e 120 dias para prestar contas.

O secretário executivo de Cultura de Petrolina, Cássio Lucena, ressalta a importância da liberação dos recursos da Lei Aldir Blanc, dentro do prazo previsto, para os trabalhadores culturais que estão sendo fortemente impactados pela pandemia.

“Aproveitamos esse momento muito feliz para a cadeia produtiva cultural petrolinense para agradecer o empenho de toda Prefeitura de Petrolina. Atravessarmos um processo democrático, rico em diálogos com a sociedade civil organizada e cumprindo cada etapa com isonomia, onde foram amadurecidos caminhos de atuações em benefício do digno fazer cultural. A arte cura!”, declara o secretário.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.