Bahia não suspenderá transporte intermunicipal, garante Rui Costa

 

O governador Rui Costa (PT) não tem a intenção de suspender os transporte intermunicipal no estado como aconteceu na primeira onda da doença, quando as viagens foram proibidas em várias cidades por decreto. Ao responder uma pergunta de uma internauta, durante uma interação em uma live transmitida no Facebook nesta segunda-feira (22), o gestor disse que todas as cidades já registraram casos ativos da doença e que a grande preocupação no momento é em diminuir a interação entre as pessoas sem a devida proteção.

“Lá no início da pandemia nós suspendemos o transporte e a medida deu muito resultado porque o vírus não estava presente em todos os municípios da Bahia. A Bahia foi um dos estados que mais conseguiu retardar [a doença], por exemplo, a última cidade da Bahia a ter o vírus foi no mês de setembro. O vírus já está presente nos 417 municípios, então, você não estaria impedido a circulação do vírus. A grande preocupação é com a interação das pessoas porque sabemos que a doença é transmitida por vias áreas”, disse Rui.

O petista também demonstrou preocupação com as unidades de saúde particulares que já estão em suas capacidades máximas de atendimento. Cinco hospitais de Salvador e Região Metropolitana já chegaram a 100% de ocupação dos leitos de UTI, outros já se aproximam da lotação. “Então você que tem plano particular tome cuidado porque os hospitais particulares estão cheios”, completou.

O estado da Bahia chegou nesta segunda ao quarto dia consecutivo com o maior número de pacientes internados em leitos de UTIs destinados para casos de Covid-19. De acordo com informações da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), são 912 pacientes adultos e pediátricos em estado grave ocupando leitos nas diversas regiões do estado.

BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.