Em entrevista sobre pandemia da covid 19, Vilas-Boas diz que o Brasil é “uma ameaça para a humanidade”

0

 

Em entrevista à Rádio Metrópole, nesta segunda-feira (5), o secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, declarou que não concorda com a compra de vacinas pela iniciativa privada contra a covid-19.

“Sou radicalmente contra. Acho que isso é um absurdo. Nenhum país do mundo faz isso. Nem país rico nem pobre”, disse o secretário.

Vilas-Boas também criticou o ritmo atrasado da vacinação no Brasil, e disse que o Brasil é uma ameaça à humanidade em relação à pandemia do coronavírus.

“Nosso país tá muito atrasado na vacinação, e isso faz com que o Brasil seja uma ameaça para o Brasil. Somos uma ameaça para a humanidade”, disse Fábio.

De acordo com um balanço da vacinação contra covid-19 de domingo (4), feito pelo consórcio de veículos de imprensa, 19.474.826 pessoas receberam a primeira dose de vacina, o que representa apenas 9,20% da população brasileira.

A segunda dose foi aplicada em 5.389.211 pessoas (2,55% da população do país) em todos os estados e no Distrito Federal.

No total, 24.864.037 doses foram aplicadas em todo o país.

O consórcio de veículos de imprensa é formado por G1, “O Globo”, “Extra”, “O Estado de S.Paulo”, “Folha de S.Paulo” e UOL.

Da Redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome