Teich confirma que Bolsonaro indicou Pazuello e que general teve sua aprovação

0

 

O ex-ministro da Saúde, Nelson Teich, confirmou nesta quarta-feira (5) durante a oitiva na sessão da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que o general Eduardo Pazuello foi indicado pelo próprio presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para ocupar um cargo na secretaria da pasta.

Teich diz que o general teve a sua aprovação no cargo e que naquele momento só executava as políticas do ministério. A posição de Pazuello era responsável por ajudar na logística e no suporte aos estados e municípios.

“Eu parei para pensar, conversei com ele, ouvi o que tinha para falar, da experiência dele, os pontos que colocou. Então me parece que, nauqele momento, onde eu precisava ter uma agilidade muito grande na parte da distribuição no problema de EPI, respirador, de tudo, pareceu que ele poderia atuar bem”, admitiu.

BN

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome