Petrolina e Salgueiro sediam encontro da coordenação da Rede LGBT do interior de Pernambuco

Petrolina e Salgueiro sediam encontro da coordenação da Rede LGBT do interior de Pernambuco

 

Dos dias 29 de Julho a 1 de Agosto, Petrolina e Salgueiro, sertão do estado, receberão a coordenação da Rede LGBT do Interior de Pernambuco para o encontro semestral onde é construído todo planejamento para o segundo semestre de 2021 e também é planejado ações de advocacy e estratégias de combate às lgbtfobias na capital, região metropolitana e interior do estado.

Em Salgueiro, acontecerá reuniões com o grupo Associação Sertão das Cores de Salgueiro – ASSERCOS, com a direção do Hospital Regional de Salgueiro e com o prefeito Marcones Libório de Sá.

“Para nós é o fortalecimento do movimento LGBTQIA+ em Salgueiro e é o momento ideal para a abertura de um diálogo com o poder público sobre a construção de políticas públicas para nossa população LGBTQIA+, que só é enxergada em tempos de campanha política. Nós, juntas e juntos com a Rede aqui na cidade vamos dar vizibilidade a nossa luta,” ressaltou Adriana Gomes, presidente da ASSERCOS.

Já em Petrolina, acontecerá uma imersão na turística e paradisíaca Ilha do Rodeadouro, onde serão construídos os planejamentos das ações da rede, além de reuniões com lideranças e representantes de políticos do estado. Para Alzyr Brasileiro, anfitrião e presidente do Movimento Cores, esse é um momento muito especial: “Estamos nos fortalecendo e nos preparando para um enfrentamento necessário contra tantas negações e violências que estamos passando no nosso estado, a Rede tem um papel muito importante para nós que estamos à frente dessa luta aqui no interior,” explicou Alzyr.

Rildo Veras Martins, que também faz parte da direção colegiada da Rede do Interior, complementa sobre importância de Petrolina e Salgueiro sediarem os eventos: “Serão momentos importantes para fortalecimento da militância LGBT no interior Pernambucano, bem como para montar o calendário de atuação para o segundo semestre,” afirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.