Feira Agroecológica completa três anos de atividades em Sento-Sé

Feira Agroecológica completa três anos de atividades em Sento-Sé

Completando três anos de funcionamento, a Feira Agroecológica de Sento-Sé, que funciona todas as sextas-feiras na Av. Raul Alves, realizou uma ação comemorativa nesta sexta-feira (29). O público que foi a feira conferiu show ao vivo de voz e violão, com Afrânio Mello e Netinho Moraes; Roda de São Gonçalo; Samba de Roda; bingo e aquela seleção de frutas, verduras, hortaliças, bolos, doces e biscoitos, que fazem tanto sucesso e atraem diversos clientes à feira.

Numa época em que se fala tanto sobre a importância de se levar uma vida saudável, a feira agroecológica de Sento-Sé é uma prova de que a procura por alimentos, mais nutritivos e livres de agrotóxicos, está em crescimento, alcançando o público de baixo poder aquisitivo.

“A feira só faz crescer. Atuam no espaço cerca de 60 famílias de agricultores de comunidades variadas. Ela é realizada pela Rede Mulher, por meio do Pro Semiárido, e conta com a parceria da Prefeitura de Sento-Sé, através da Secretaria de Agricultura, Indústria, Comércio e Pesca. E hoje ela é referência não só para Sento-Sé, mas também para vários outros municípios da região e todo estado da Bahia. Atualmente nossos agricultores também comercializam sua produção na feira agroecológica e orgânica que acontece em Juazeiro, justamente por ser considerada uma referência”, explica o secretário municipal de Agricultura, Indústria, Comércio e Pesca, Sandro Jatobá.

O aposentado Bartolomeu Dias não perde uma feira e falou da importância da mesma. “É muito bom à cidade ter um espaço como esse, onde são comercializados produtos livres de tanta química. Sou um cliente fiel, estou aqui toda sexta-feira e com certeza toda essa festa e animação da edição de hoje deixou a feira ainda melhor”, avaliou seu Bartolomeu.

Marila Rodrigues é uma das agricultoras familiar que participa da feira desde o início e comercializa sua produção de hortaliças e também comidas típicas na feira. “Após trê anos de existência posso dizer que hoje estamos mais organizados e que estamos cumprindo nossa missão que é comercializar produtos agroecológicos, livres de qualquer tipo de agrotóxicos, e os consumidores podem consumir sem medo de causar danos a saúde, além de gerarmos renda para as famílias que fazem a agricultura familiar no nosso município”, disse a agricultora.,

Participaram ainda da feira nesta sexta-feira uma equipe de técnicos da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional – CAR, da empresa Britvic e o secretário municipal de Planejamento, João Borges.

Ascom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.