Lucinha Mota é confirmada candidata em convenção PSDB/Cidadania e emociona público com discurso forte em defesa da justiça

Lucinha Mota é confirmada candidata em convenção PSDB/Cidadania e emociona público com discurso forte em defesa da justiça

Em convenção muito concorrida, neste sábado (30) em Recife, o PSDB e o Cidadania oficializaram a relação de candidatos ao Governo de Pernambuco, Senado, Câmara Federal e Assembleia Legislativa do Estado.A federação partidária, que reúne PSDB e Cidadania,  homologou Raquel Lyra como candidata a governadora, Priscila Krause, vice-governadora,  o ex-deputado Federal Guilherme Coelho para o senado, 16 candidatos a deputado federal e 36 candidatos a uma vaga na ALEPE, incluindo o nome de Lucinha Mota, ativista humanitária e mãe da garota Beatriz Angélica, assassinada covardemente numa escola particular em Petrolina, em 2015.Num discurso forte, que emocionou a todos os presentes, Lucinha Mota  falou da dor da perda da filha Beatriz e da força que tem para combater as injustiças em Pernambuco: “Eu senti a pior dor que um pai ou uma mãe podem sentir, que é perder um filho. Eu perdi uma filha da forma mais cruel que existe no mundo. O meu corpo definhou mais eu resolvi levantar porque minha filha merecia, queria um inquérito justo, que o assassino fosse para a prisão e disse ao governador Paulo Câmara: Ela não vai ser mais uma nesse rol de estatística que Pernambuco está hoje. Enfrentei a dor, o desespero e enfrento até hoje a saudade, mas eu ultrapassei barreiras, ultrapassei fronteiras, pedi ajuda a todos em Pernambuco, em outros estados, no Brasil, fora do país, resolvi fazer a caminhada mais longa que um pernambucano poderia fazer e dias depois o assassino foi encontrado. Foi justo, não, porque justiça tardia não é justiça, mas eu garanti a minha filha que o assassino dela pague pelo que fez. Hoje eu estou aqui por todas as beatrizes de pernambuco, para combater todas as injustiças no nosso estado” disse emocionada.Lucinha Mota reafirmou o apoio à chapa majoritária, que inclui o petrolinense Guilherme Coelho, candidato ao senado, falando do gesto sensível de Raquel Lyra indo a Petrolina para convidá-la para caminhar justas: “Raquel foi lá em Petrolina me convidar e disse: Lucinha venha, você é mais uma mulher que deve representar  as mulheres de pernambuco. Foi a única que mostrou sensibilidade e é por isso que estou com Raquel  para enfrentar as injustiças em Pernambuco”, finalizou.

Ascom

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.