Futebol feminino: CBF investirá em formação de treinadoras, dirigentes e árbitras

Futebol feminino: CBF investirá em formação de treinadoras, dirigentes e árbitras

A Confederação Brasileira Futebol (CBF) vai investir na formação de treinadoras, dirigentes e árbitras do futebol feminino. O anúncio foi feito pelo presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues. O mandatário esteve no estado Alfonso López, em Bucaramanga, acompanhando a conquista do oitavo título da Seleção Brasileira feminina na Copa América, no último sábado (30).

“O futebol feminino é uma das prioridades da CBF e a maior oportunidade de crescimento do futebol nos dias de hoje. A CBF já identificou um potencial inexplorado no futebol feminino e vamos ter uma série de programas para incluir cada vez mais as mulheres no esporte”, afirmou. “Além de projetos para dar o protagonismo às mulheres dentro de campo, a CBF vai investir, de forma inédita, na formação de treinadoras, dirigentes e árbitras. Vamos fomentar o surgimento de toda uma cadeia esportiva 100% feminina. O protagonismo será sempre delas”, completou.

Na decisão da Copa América, o Brasil bateu a anfitriã Colômbia por 1 a 0. O único gol da partida foi marcado por Debinha, em cobrança de pênalti. Antes da bola rolar, a atacante Bia Zaneratto recebeu uma homenagem pelos 100 jogos com a Amarelinha.

O título da Copa América é o quarto conquistado pelo Brasil sob a gestão de Ednaldo Rodrigues, eleito presidente em março deste ano. Além da seleção principal, os times femininos sub-15 e sub-17 venceram o Sul-Americano. O masculino sub-17 voltou a ser campeão do torneio de Montaigu após 38 anos de jejum.

Além da conquista da Copa América, a Seleção feminina garantiu vaga na Copa do Mundo de 2023 e nos Jogos Olímpicos de Paris-2024.

Bahia Notícias 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.