Empresa que oferta cursos, em Juazeiro, é acusada de propaganda enganosa e se defende

Empresa que oferta cursos, em Juazeiro, é acusada de propaganda enganosa e se defende

Em contato com o Portal Preto no Branco, responsáveis por jovens que estudam em instituições de ensino, em Juazeiro, Norte da Bahia, denunciaram uma suposta propaganda enganosa que estaria sendo feita pela empresa “Prepara Cursos”. De acordo com eles, os estudantes realizam uma prova, e posteriormente são selecionados para receberem uma bolsa integral de um curso de informática.

Porém, ao irem a sede da empresa, os responsáveis são informados que o curso não é gratuito, diferente do anunciado pela empresa.

“Venho alertar à população que a “Prepara Curso” de Juazeiro-BA, está fazendo propaganda enganosa nas escolas, pois a mesma realizou uma avaliação com alguns estudantes e em seguida entrou em contato com os pais de alguns. Eles solicitaram que os alunos fossem até o local do curso com os responsáveis, pois haviam sido contemplados com um curso básico de informática, totalmente gratuito. Ao chegar no local, uma atendente coleta mais dados do aluno, e depois de uma conversa revela que o curso gratuito é outro, que acontece durante um mês de forma on-line e não é o de informática. Além disso, ela dá os valores de uma bolsa parcial para o curso de informática, que acontece de forma presencial”, contou a mãe de um aluno.

O grupo pede ainda que a empresa seja responsabilizada pela propaganda enganosa.

“Quando a empesa entrou em contato comigo pelo WhatsApp, eu já tinha ouvido outros alunos falarem que o curso não era gratuito, e então, ainda questionei se era. A atendente me confirmou por mensagem de áudio que o curso de introdução a informática era sim gratuito, que não eu não ia pagar nem matrícula, nem mensalidade e nem material. Ou seja, eles não explicam direito que são dois cursos, um gratuito e outro pago. Eles nos dá a entender que nossos filhos fizeram uma prova e ganharam uma bolsa integral de informática. A empresa precisa ser responsabilizada e fazer uma propaganda verdadeira”, acrescentou outra responsável.

O PNB fez contato com a empresa para solicitar esclarecimentos sobre as acusações. Em nota, a advogada Milena Moura,  disse que “os relatos do consumidor destoam a verdade, tendo em vista que a Prepara oferta cursos na modalidade gratuita como campanha, bem como também oferta cursos pagos, QUE NENHUM CLIENTE É OBRIGADO A FAZER OS CURSOS NA MODALIDADE PAGO”.

Confira nota na íntegra:

Prezados Senhores representantes do Blog Preto no Branco,

Reportando-nos ao pedido de esclarecimentos e ao direito de resposta concedido a Prepara Cursos do Vale, do qual consumidora nos acusa de propaganda enganosa, registramos desde já que a Prepara do Vale atua há mais de 10 anos na região e oferta cursos preparatórios a jovens, principalmente aos que desejam entrar no mercado.

Os relatos do consumidor destoam a verdade, tendo em vista que a Prepara oferta cursos na modalidade gratuita como campanha, bem como também oferta cursos pagos, QUE NENHUM CLIENTE É OBRIGADO A FAZER OS CURSOS NA MODALIDADE PAGO.

MENOS AINDA ESTÁ CONDICIONADO A FAZER CURSOS PAGOS PARA USUFRUIR DA CAMPANHA DO CURSO OFERTADO GRATUITAMENTE.

Ressaltamos, CLARAMENTE, QUE NÃO SÃO TODOS OS CURSOS GRATUITOS, TÃO SOMENTE O BÁSICO DE INFORMÁTICA.

Ao comparecer na instituição, é oferecido e apresentado aos demais cursos preparatórios, alguns com bolsas, para qualificar o jovem no mercado de trabalho, inclusive com algumas parcerias de empresas no vale, SEM GARANTIA DE CONTRATAÇÃO, MAS PARA FACILITAR O ACESSO AO MERCADO DE TRABALHO.

Diante disso, houve um equívoco por parte do consumidor ao proferir acusações que não procedem.

Sendo somente o que se apresenta para o momento e colocando-nos à inteira disposição de V.Sa. para quaisquer esclarecimentos adicionais e parabenizo a iniciativa de conceder direito de resposta às empresas.

Redação PNB

1 comentário


  1. Bom a imagem é bem clara a colocação da atendente, onde fala que o aluno foi selecionado para um curso gratuito de informática, o que não aconteceu.

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.