Seminário sobre a agroindústria atrai atenções no terceiro dia da Fenagri 2016

Seminário sobre a agroindústria atrai atenções no terceiro dia da Fenagri 2016

Foto (1)

Boa parte das atenções desta sexta-feira (27) relativas à Fenagri 2016 está voltada para o seminário ‘Agroindústria no Vale – Bases Legais e Tecnológicas para Expansão de Mercado’. Entre às 8h e 18h, o auditório do SENAI Petrolina recebe o evento, promovido pela Empresa Brasileira de Pesquisas Agropecuárias (Embrapa Semiárido), que tem o público de produtores, pesquisadores, professores e alunos ligados à agricultura.

As atenções ao Seminário, no entanto, não diz respeito a convites de celebridades da área, mas sim aos temas debatidos nas oito palestras que a 26ª Feira Nacional da Agricultura Irrigada (Fenagri) preparou. Vanicleia Silva, professora do Instituto Federal (IF Sertão, campus Santa Maria), levou muitas dúvidas para o evento. Quis tirar todas. “Trouxeram discussões bem diferentes e pertinentes ao pequeno produtor. No momento das perguntas, aproveitei para me informar como estava a situação real da agroindústria e do pequeno produtor aqui no Vale; que foi respondido, e que gerou outras dúvidas, o que eu, como professora, sei que é positivo”, afirma.

O Seminário começou com a agente da Agência de Vigilância Sanitária de Petrolina, Aionne Guimarães, que abordou alguns aspectos legais para quem deseja expandir os negócios na agroindústria regional. Outras palestras situaram os participantes quanto as preocupações que o produtor deve ter na hora da embalagem dos produtos, a necessidade dos selos sanitários e de qualidade, as maneiras de agregar valor aos serviços e as recomendações dos órgãos de controle agrícola e alimentar sobre a produção no campo.

Segunda palestrante a falar, a consultora Márcia Maria de Medeiros teve 40 minutos para discutir o tema ‘Comércio e mercado dos produtos agroindustriais locais: possibilidades de mercados para agricultura familiar’. De acordo com ela, as perguntas feitas depois da palestra deram-lhe oportunidade para explicar mais sobre o funcionamento do comércio entre produtores e usuários. “Temos que levar em consideração o comportamento dos consumidores, que têm mudado de demandas. Eles estão mais exigentes, querendo produtos com mais qualidade e com certificação de onde saiu, e é isso que devemos atender”, disse.

A Fenagri 2016 continua até este sábado (28) com a Vila da Agricultura Familiar, minicursos e a área de exposições. Além do Seminário, hoje tem, a partir das 17h, no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, muitas novidades dos estandes de visitas. No último dia do evento, o IF Sertão promove os minicursos de elaboração de sorvetes de frutas nativas, de produção de polpa, de doces e geleias e o de licor, que começam às 8h e seguem até às 18h.

Por: Clas Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.