Joaquim Neto faz balanço das ações à frente do SAAE

Joaquim Neto faz balanço das ações à frente do SAAE

1a1a

Um dia antes da sua desincompatibilização para inicio da pré-campanha a prefeito de Juazeiro pelo PCdoB, o diretor do Serviço Autônomo de Água e Esgoto – SAAE, Joaquim Neto, participou dos programas Palavra de Mulher (Rádio Cidade), Sem Fronteiras (Rádio Juazeiro) e Geraldo José (Transrio) fazendo um balanço da sua gestão à frente da autarquia.

Joaquim Neto lembrou que quando esse governo assumiu, em 2009, o SAAE estava à beira de um colapso, com fornecedores em atraso, aviso de corte da energia elétrica, frota sucateada e faltando água com frequência na maioria dos bairros da cidade. “Temos a consciência de que ainda falta muito a ser feito, mas os investimentos realizados nesses sete anos de gestão transformaram a realidade do órgão”, disse o diretor, enumerando diversas obras na sede e no interior do município que, segundo ele, democratizou a distribuição de água e melhorou consideravelmente a coleta de esgoto.

“É claro que devo isso à equipe do SAAE, que me recebeu em 2010 de braços abertos e contribuiu para que chegássemos a esse resultado”. Neto lembrou que foi implantada uma nova adutora de 400 milímetros, adquiridos19 novos filtros, colocados mais de 98 mil metros de redes e ramais, levando a mais de 23 mil novas ligações de água na sede e no interior de Juazeiro. Além disso, foi renovada a frota de veículos que hoje conta com 23 carros, sendo oito caminhões hidrojateadores. Do total são 11 veículos atuando no interior, na manutenção das 15 adutoras instaladas nos sistemas de abastecimento de água através dos mais de 200 poços tubulares, nas instalações de novas bombas e na manutenção nos sistemas que utilizam cata-ventos.

“O desafio do SAAE agora é concluir o saneamento da cidade, obra que esteve paralisada por muitos anos, mas que essa gestão assumiu e está com frente de serviços em diversos bairros, com a construção de 20 estações elevatórias, emissários, redes condominiais e ligações domiciliares, além da ampliação da estação de tratamento de esgoto, que até o final do ano deixará Juazeiro com 95% de área saneada”, relatou.

Neto falou ainda da identificação que tem com o homem do campo, anunciou uma extensão de rede da Lagoa do Boi ao Juá, que vai beneficiar mais de 40 famílias e destacou a implantação do Programa Água Doce, que consiste em poço, dessalinizador, ficheiro, reservatórios e tanque de contenção, que vai possibilitar a 15 comunidades do interior, água para o consumo humano, dessedentação animal, pequenas plantações e criação de peixes.

Emocionado, Joaquim Neto revelou que deixa o SAAE com o sentimento do dever cumprido, porém com a vontade de ter feito muito mais. “Me identifiquei muito com o serviço público à frente do SAAE e, assim como o prefeito Isaac Carvalho fez na prefeitura o maior volume de obras que Juazeiro já viu, comprovei que, a partir de uma gestão transparente e a vontade de trabalhar é possível sim, gerenciar os recursos públicos com responsabilidade e eficiência”, pontuou.

Joaquim Neto assegurou que jamais teve a intenção de pleitear o cargo do Executivo, porém, como seu nome surgiu naturalmente, se coloca à disposição do grupo e do partido, na certeza de que está preparado para mais esse desafio. “O projeto liderado pelo prefeito Isaac transpôs limites e é reconhecido hoje em todo o norte baiano. Sinto-me honrado em fazer parte deste grupo e do PCdoB, um partido histórico, forjado nas lutas sociais em favor da Democracia e dos menos favorecidos. Estou na região há 28 anos, como profissional na área agrônoma e como produtor rural e me senti muito honrado em ter sido contemplado recentemente com o titulo de cidadão juazeirense, um reconhecimento que reputo ao trabalho realizado à frente do SAAE”, concluiu.

Por: Antonio Pedro/SAAE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.