Tentativa de estupro no mal iluminado e inseguro campus da UNEB em Juazeiro-BA

Tentativa de estupro no mal iluminado e inseguro campus da UNEB em Juazeiro-BA

“Hoje, não temos segurança em lugar nenhum, onde você acha que está segura, protegida… até acontecer o que nós mulheres mais tememos, graças a Deus não teve nada comigo, porquê Deus naquele momento me protegeu e o meu muito obrigada ao moto táxi que de qualquer forma tentou me ajudar, hoje só quero cobrar por mais segurança na nossa Universidade, pois não dá pra evitar de andar em certo lugar, precisamos de uma segurança mais rígida, poderia ter acontecido algo pior, não quero nem imaginar.” 

Esse é o desabafo de uma jovem, que relatou em sua rede social o alivio que sentiu após conseguir escapar de uma tentativa de estupro. Segundo informações, ela é estagiária do Laboratório de Rádio da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Campus III, localizado em Juazeiro-BA.

A vítima teria sido  atacada por um homem não identificado dentro da universidade na noite desta quinta-feira (02). O homem teria agarrado a jovem e tentado arrastá-la para o matagal, mas a estagiária gritou por socorro e um mototáxi que passava na rua avistou a vítima, que foi solta pelo tarado, que fugiu em seguida.

Segundo informações da Diretora do Departamento de Ciências Humanas III, Márcia Guena, a polícia militar foi chamada e realizou buscas dentro do campus da Uneb. A instituição está prestando apoio a vítima, a jovem acompanhada pela instituição foi hoje (3) na Delegacia Especial de Atenção À Mulher (DEAM), e de lá seguiu para o Centro Integrado de Atenção A mulher (CIAM) .

O portal Preto No Branco segue uma política editorial de NÂO divulgar o nome de vítimas  de crimes desta natureza, como mandam os princípios éticos.

É dever da imprensa proteger  e preservar a integridade de mulheres vítimas de crime sexual. Estas vítimas têm o direito ao anonimato por se tratar de crime humilhante, exceto quando ela própria (maior de idade e mentalmente sadia ) abra mão desta proteção.

A UNEB  emitiu uma NOTA explicando o fato:

UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA CAMPUS III – JUAZEIRO BAHIA COMUNICADO

As direções dos Departamentos de Ciências Humanas (DCH) e do Departamento de Tecnologias e Ciências Sociais (DTCS) da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Campus III, em Juazeiro manifestam grande preocupação e tristeza com a tentativa de estupro ocorrida na noite de ontem (dia 2 de junho) no campus e classificam como hediondo esse tipo de crime. A Polícia Militar esteve no local, minutos após o corrido, realizando buscas em todas as dependências, mas não encontrou o criminoso. Estamos acompanhando a estudante e prestando assistência judicial e psicológica. Institucionalmente já estamos adotando medidas emergenciais para ampliar o plano de segurança em vigor. Na tarde de hoje reuniremos todas as instâncias envolvidas com a finalidade de encontrar as melhores saídas para a questão. Compreendemos que, além de um problema particular vivido pela estudante nas dependências da UNEB, a violência sexual contra a mulher envolve toda a sociedade e requer a colaboração de várias instituições. Nesse sentido, realizaremos também ações coordenadas com o Conselho da Mulher e as organizações policiais do município no sentido de garantir a proteção no entorno do campus e ações permanentes.

Márcia Guena – Diretora do DCH III Jairton Fraga – Diretor do DTCS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.