Caso Beatriz: Depois de divulgação do descaso nas investigações, MPPE fará coletiva sobre força tarefa

Caso Beatriz: Depois de divulgação do descaso nas investigações, MPPE fará coletiva sobre força tarefa

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), reunirá hoje (15), a imprensa para uma entrevista coletiva onde falará sobre a força tarefa formada com o objetivo de atuar no caso Beatriz.

Na manhã do último dia 10, quando completou 6 meses da morte da menina Beatriz Mota, assassinada a golpes de facada durante uma festa de formatura que acontecia dentro do Colégio Maria Auxiliadora em Petrolina-PE, a equipe do Preto no Branco conversou com o Promotor Carlan Carlo da Silva.

Apesar de não querer gravar entrevista, ele nos informou que naquele momento nenhum promotor estava dedicado ao caso Beatriz, já que ele tinha deixado a central de inquéritos, e que cabia ao MPPE designar um novo promotor para o caso.

Depois dessa divulgação, O MPPE declarou que mais cinco promotores foram designados para a tarefa sob a coordenação do promotor Carlan.

A coletiva contará com a presença do Procurador-geral de Justiça, Carlos Guerra de Holanda e acontecerá às 15h, no prédio das Promotorias de Justiça.

Veja a nossa Reportagem sobre o descaso com o caso Beatriz:

 

Por: Yonara Santos

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.