Quadrilha especializada em roubo de celulares, é presa em Juazeiro-BA

Um grupo de seis pessoas foi preso em Juazeiro-BA, acusado de furtar celulares durante a festa São João do Vale, realizada em Petrolina-PE. Segundo informações da polícia, todos os acusados residem na cidade de Salvador-BA.

Os integrantes da quadrilha foram identificados como Barone Bispo Rodrigues, Jair de Jesus Brito, Albert Assunção de Menezes, Alan Ney de Santana, Jonatas Santos Batista e Laysa Lopes de Santana. A polícia informou que chegou até o bando no último sábado (16), após receber denúncias de que na Quadra 22 do bairro João Paulo II, em Juazeiro, havia um veículo com placa de Salvador, com dois ocupantes em atitude suspeita.

A equipe do PETO, com o apoio da 7403, se deslocou até o local para averiguar a situação e ao localizar o veículo realizou uma abordagem. A polícia informou ainda que ao avistarem os policiais, os ocupantes do veículo tentaram fugir do local, entrando em uma residência do bairro, mas foram alcançados.

A polícia disse ainda que encontrou com os suspeitos dois celulares de origem não identificada, e que os mesmos confessaram que os aparelhos foram  furtados durante a noite de sexta-feira (15), no São João do Vale. Em um dos quartos da residência foram localizados os outros quatros integrantes da quadrilha, que estavam com mais dois celulares, que também teriam sido furtados na festa.

Ainda de acordo com os policiais, o grupo teria afirmado que estava na cidade há três dias e que veio para “trabalhar” no evento.

Todos os acusados possuem antecendes criminais por furtos, tráfico e formação de quadrilha, sendo que Barone Bispo também tem passagem por formação de quadrilha no Estado de Mato Grosso.

Os envolvidos  foram conduzidos para DP de Petrolina-PE,  juntamente com o veículo e os celulares  furtados, para adoção das medidas cabíveis.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.