Governo do Estado anuncia política de sáude para albinos

 

A Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) encaminhou uma nova Política Estadual de Atenção Integral à Saúde do Paciente com Albinismo. O anúncio foi feito, em Salvador, pelo secretário Fábio Vilas-Boas, nesta segunda-feira(4), durante encontro com perita em albinismo do Conselho de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU), Ikponwosa Ero, e a representante do Alto Comissariado da ONU, Alive Dehsebein.

O objetivo é prevenir o câncer de pele e a cegueira em pessoas portadoras do albinismo, e para isso a Sesab fará a aquisição e distribuição de protetores solares, assim como serviço de triagem nas especialidades de oftalmologia e dermatologia em todas as policlínicas regionais de saúde.

De acordo com a Sesab, existem muitos albinos sem o devido acompanhamento e para isso é preciso qualificar profissionais da Atenção Básica (atendimento primário de saúde) para diagnosticar e iniciar tratamento adequado para essas pessoas. No último censo realizado em 2018, 600 pessoas foram identificadas com albinismo e estão divididas em 133 municípios do Estado.

A perita do Conselho de Direitos Humanos da ONU estará no Brasil até o próximo sábado e ainda visitará os estados de Alagoas, São Paulo e Distrito Federal.

BNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.