Pandemia do novo coronavírus: Acompanhe a capacidade de atendimento na rede de saúde em Juazeiro, Petrolina e região

 

O controle de pacientes infectados pela Covid-19 e da taxa de ocupação de leitos foram algumas das justificativas usadas pelo Prefeito de Juazeiro-BA, Paulo Bomfim, para iniciar a reabertura do comércio da cidade. O gestor informou ainda que caso o município atinja 70% da capacidade de atendimento na rede de saúde, o plano de retorno das atividades econômicas será reavaliado.

Os serviços considerados não essenciais também voltarão a funcionar no município vizinho. O Prefeito de Petrolina-PE, Miguel Coelho, informou que esse processo só será possível porque Petrolina tem um quadro de contaminação da Covid-19 muito diferente de cidades como o Recife, Olinda e entre outras da região metropolitana.

Após as afirmações dos gestores, o PNB apurou a disponibilidade de leitos de UTI’S na duas cidades, que juntas somam até o momento, 301 infectados (233 em Petrolina e 68 em Juazeiro), sendo 11 óbitos (7 em Petrolina e 4 em Juazeiro), e 117 curados (94 em Petrolina  e 23 em Juazeiro).

De acordo com a Central de Regulação Interestadual de Leitos PEBA, para atendimento de pacientes com SRAG e Covid-19, juntas as cidades de Juazeiro, Remanso-BA, Petrolina, Salgueiro-PE, e Ouricuri-PE possuem 40 leitos de UTI (com 50% de ocupação), 108 enfermarias adultas (28% de ocupação), 5 enfermarias de gestantes (0% de ocupação), 13 enfermarias infantis (15% de ocupação).

Ao PNB, a Secretaria de Saúde de Juazeiro informou que além das 10 UTI’S disponíveis no Hospital Regional de Juazeiro,  a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) está sendo referência para pessoas sintomáticas respiratórias, sendo que a unidade dispõe de 8 leitos intermediários e estão instalados na sala vermelha da unidade, 5 respiradores para estabilização de pacientes.

Já a Secretaria de Saúde de Petrolina afirmou que além das 12 UTI’s disponíveis para pacientes com Covid-19 no Hospital Universitário, a cidade também conta com 10 UTI’s adultas, 4 pediátricas e 6 neonatal no Hospital Dom Malan. Além disso, a rede privada disponibilizou ao município 20 leitos de UTI’s.

 

Da Redação/ foto ilustrativa

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.