Após 20 servidores testarem positivo para Covid-19, AL-BA fecha as portas nesta semana

Durante a sessão extraordinária da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), que acontece na manhã desta segunda-feira (1º), o presidente Nelson Leal (PP) informou que 20 servidores estão infectados com o novo coronavírus. Por conta disso, a AL-BA não permitirá o acesso à sede nesta semana.

Até então, audiências públicas e sessões no plenário estavam suspensas e o funcionamento havia sido alterado para diminuir o contingente de pessoas no prédio. Além disso, já era de conhecimento público que dois funcionários testaram positivo para a doença. Um deles era o membro do departamento de Tecnologia da Informação, Cícero Clemente de Souza, que veio a óbito há mais de uma semana (veja aqui). A outra é uma mulher que apresentava sintomas leves. Informações de bastidores dão conta de que ela trabalha na copa e, com isso, teria fácil contato com os demais servidores da Casa, inclusive os deputados estaduais.

“Nós detectamos na Assembleia que estávamos com alguns servidores infectados e procedemos o total de 90 testes. Já recebemos 36 e está faltando 54, temos hoje 20 funcionários contaminados. Então o número está espalhado por diversos setores”, ressaltou Leal no início da sessão.

De acordo com o parlamentar, o acesso aos gabinetes só será reaberto após a entrega dos demais resultados. “Precisamos isolar essas pessoas e precisamos fazer contatos para saber quais são os outros servidores e colaboradores que tiveram contato com os infectados. Tem alguns que não têm sintoma nenhum e isso vai dificultando à nossa forma de organizar para que ali seja um ambiente seguro para trabalhar”, alertou.

Vale ressaltar, no entanto, que o próprio Leal não fez o exame para testar coronavírus. Na semana passada, a assessoria da AL-BA justificou que ele não teve contato com a funcionária diagnosticada (veja aqui).

Quanto ao espaço físico, o presidente do Legislativo baiano afirmou que não será feita a descontaminação, pois “com três dias fechado, não tem mais possibilidade de contágio por toque de objetos e pelo ar”. Ao reabrir o prédio, na próxima semana, a aferição da temperatura na porta será implementada.

 

Fonte Bahia Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.