Filho de paciente, indignado, alerta para a falta de insumos importantes nas UTIs Covid da região; o pai dele está internado na Promatre, em Juazeiro

0

 

Em contato com a redação do PNB Israel Sampaio relatou a situação de seu pai, de 46 anos, que está internado em um leito de UTI Covid do Hospital Promatre, em Juazeiro, desde o último dia 9.

Segundo Israel, estão faltando insumos essenciais para o tratamento dos pacientes internados na UTI da unidade hospitalar e em outras unidades da rede.

“Meu pai foi muito bem atendido tanto na UPA, quanto no Hospital de Campanha, onde deu entrada com os sintomas. No mesmo dia foi regulado para Promatre, onde também está sendo bem atendido pela equipe médica. No entanto, o médico nos informou que ele está resistindo à ventilação mecânica, por faltar um insumo, o bloqueador. O médico disse ainda, que a equipe estava tentando outras alternativas para manter o tratamento. Agradeço a equipe médica que faz o possível e o impossível para atender com o que tem. Minha indignação é com a incompetência ou dos governos, ou dos fabricantes, que deixam faltar um insumo tão necessário para tratamento da covid”, disse Israel.

Indignado, com o pai há 9 dias intubado, Israel cobra providências das autoridades responsáveis.

” Meu pai está sedado, intubado e todo paciente que é intubado precisa usar esse bloqueador neuromuscular para dar mais conforto ao paciente e segurança aos profissionais que fazem o processo de intubação. É preciso que a musculatura esteja relaxada. Fui informado pelo médico que faltou o bloqueador, como tem faltado em outros hospitais e a equipe teve que improvisar com outras alternativas. Na falta do bloqueador fizeram um milagre para estabilizar o quadro. Estou indignado com essa situação de muita incompetência. Como deixam faltar um insumo tão importante?”, questionou.

Israel informou ainda que entrou em contato com algumas distribuidoras e até com fabricantes e a informação é de “eles não estão dando conta da demanda”.

“Como assim? depois de um ano de pandemia e não aumentaram a produção do insumo? Além dos pacientes com a covid 19, existem outros nas UTIS, com outras doenças, e que também necessitam do bloqueador quando são intubados. Isso é muito preocupante. A falta de insumos é uma crise em nível nacional, mas por que, depois de um ano de pandemia, e nada mudou? O cenário é mesmo do início, quando o sistema foi pego de surpresa? Faltaram investimentos? gestão? Isso é muita incompetência e a gente não pode deixar acontecer. Precisamos cobrar medidas das autoridades.

Agora a pouco, Israel informou ao PNB que, no último boletim médico, divulgado pelo hospital Promatre nesta noite, a instituição informou que o estoque foi reposto.

Da Redação

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome