“O Serviço social de Juazeiro está sem Assistentes Sociais”, denuncia um profissional da área

 

O Portal Preto no Branco recebeu uma denúncia sobre a ausência de Assistentes Sociais nos equipamentos públicos do município de Juazeiro, no Norte da Bahia, que prestam serviço social à população.

De acordo com uma fonte do PNB, a situação está acontecendo principalmente na Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (SEDES).

“Em outubro do ano passado, demitiram todos os profissionais contratados por conta de uma determinação judicial, e até o momento nada foi resolvido. É vergonhoso uma cidade do porte de juazeiro, em meio a uma pandemia, está há cinco meses sem Assistentes Sociais. Acredito que não existe no Brasil uma situação parecida”, declarou a fonte, que preferiu não ser identificada.

Ainda de acordo com a denúncia, por conta das demissões, os assistentes sociais que continuam atuando no município, estão sobrecarregados.

“Os poucos profissionais que ainda tem no município não estão dando conta de toda a demanda. Alguns profissionais da área estão sendo nomeados para outras funções, mas na prática, não estão exercendo a função de assistente social”, acrescentou.

A fonte finalizou cobrando providências do poder público.

“Portanto, o Serviço social de Juazeiro está sem Assistentes Sociais. O CIAM, CRAS,CREAS, Centro POP, Casas de Acolhimento de mulheres e crianças, e também, o CAPS, estão sem assistentes sociais. Até quando vai continuar assim? Vale lembrar que a atual prefeita é Assistente Social e nada tem feito para regularizar essa situação absurda. Que gestão é essa? Queremos que o problema seja solucionado o mais breve possível”, concluiu.

O PNB encaminhou a reclamação para a SEDES, mas até o momento não obtivemos respostas.

 

Da Redação

 

3 Comentários

  • Júnior Menezes disse:

    Cuidem!
    Pra não ser transformada num equipamento de assistencialismo.

    • Carvalho disse:

      Verdade! Qualquer profissional de excelência sabe qual as consequências de um trabalho desordenados, que foge das regras básicas da política da Assistência social, e do trabalho prestado por esses profissionais que fazer o trabalho do serviço social.

  • E inadimissível que a SEDES,secretária de Desenvolvimento Social,esteja com aeus equipamentos,funcionando sem assistentes socias,a Cartilha do MDS,é clara quando coloca a relação dos profissiinais que devem compor, a equipe técnica de todos os equipamentos socias,,Todos,devem ter 2 assistences sociais ,nenhum outro técnico pode substituir as funções do assistente social!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.