“O dinheiro já está na conta, o que falta?” pais reclamam do atraso na entrega dos Kits merenda para alunos da rede municipal, em Juazeiro

 

 

“Já estamos na metade do ano e até agora nem notícia dos Kits merenda. As aulas já começaram tarde, pois enquanto Petrolina começou em fevereiro, Juazeiro só começou em abril. Muitas famílias estão desempregadas e necessitando dos alimentos, uma ajuda fundamental. Precisamos que a Prefeitura de Juazeiro olhe pra gente e faça alguma coisa. Cadê os kits merendas que foram doados na gestão passada? Esse ano não teremos direito? Se as crianças estivessem frequentando as escolas o município não teria que distribuir as merendas todos os dias? Então porque a gestão não entrega essas merendas para os alunos?”, questionou a mãe de quatro alunos da rede municipal, que preferiu não ser identificada.

As aulas remotas da rede municipal de ensino, em Juazeiro, tiveram início no dia 13 de abril, um atraso que também gerou muitas reclamações de pais e responsáveis por alunos.

Agora, a reclamação é sobre o atraso na entrega dos kits merenda que já deveriam ter sido distribuídos pela gestão da educação. Impossibilitados de frequentarem as escolas, os alunos ficam mais tempo em casa, o que tem provocado um aumento nas despesas das famílias, principalmente aquelas em situação de vulnerabilidade social.

” Tudo aumentou. Estamos enfrentando o aumento nos preços dos alimentos, está tudo pela hora da morte. A prefeitura já deveria ter se sensibilizado com esta situação e agilizado esse kit de alimentos para os alunos. Muita demora, desorganização e nenhuma satisfação para nós pais de alunos. O dinheiro já está na conta desde o início do ano, o que está faltando para agirem?”, cobrou a mãe.

No início do mês de março, o PNB publicou matéria sobre a mesma reclamação dos pais e responsáveis.

Na ocasião, o PNB pesquisou no site do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação – FNDE, e constatou que a Secretaria Municipal de Educação de Juazeiro recebeu, nos três primeiros meses de 2021, o valor de R$ 1.079.638,20 para o suporte alimentar dos alunos da rede pública.

Em contato com a Seduc, após as reclamações, fomos informados que  “os trâmites burocráticos para elaboração dos kits estão em andamento e, em breve, o plano de distribuição será divulgado”. Porém, até o momento, a Prefeitura não noticiou nenhum plano de distribuição dos kits.

Passados mais de dois meses, nesta segunda-feira (31), o PNB voltou a questionar a Secretaria de Juventude e Educação de Juazeiro sobre a entrega dos kits. Em nota, o órgão informou que “para melhor atender a comunidade escolar, os alunos da Rede Municipal receberão um cartão alimentação, que poderá ser usado nos supermercados do município. O procedimento está em andamento e em torno de 15 dias o processo licitatório será publicado no Diário Oficial do município”.

 

 

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.