Ônibus da Joafra circula, em Juazeiro, com portas abertas, após defeito em elevador: “aumentam a passagem e não fazem manutenção”

Ônibus da Joafra circula, em Juazeiro, com portas abertas, após defeito em elevador: "aumentam a passagem e não fazem manutenção"

Mesmo com o aumento na tarifa, os problemas nos ônibus da Joafra Transportes, que presta serviço em Juazeiro, no Norte da Bahia, continuam, gerando revolta nos usuários. Diferente do que alegou a empresa, não houve manutenção nas frotas, que segue sucateada, denunciam.

Em contato com o Portal Preto no Branco, o estudante João Pedro, que diariamente utiliza a linha interestadual Juazeiro/Petrolina, reclamou que na última quarta-feira (1) o ônibus circulou com uma das portas abertas por conta de um problema no elevador utilizado por cadeirantes.

 

“Isso ocorreu na linha especial que pega os alunos da UPE e da FACAPE, sentido Juazeiro. Os ônibus estão sempre sucateados, sem manutenção e bastante velhos, e por isso, acabam dando problema o tempo inteiro. Dessa vez, por falta de manutenção quebrou o elevador e o ônibus teve que trafegar com o elevador travado e as portas abertas”.

A situação dificultou também o acesso e a saída dos cadeirantes do transporte, como o estudante registrou em vídeo. Veja:

 

João Pedro questionou ainda a justificativa dada pela empresa para o aumento das passagens e criticou o monopólio da Joafra em Juazeiro.

“Faço essa denúncia contra o argumento da Joafra que tentou justificar o aumento das passagens e a retirada do benefício do pagamento da meia passagem, afirmando que era para arcar com os custos de manutenção. Como justificam esse aumento se não fazem a manutenção adequada? Essa empresa roda em regime de monopólio com frota que posso afirmar ter mais de 15 anos rodando”, finalizou.

O PNB já encaminhou a reclamação para a empresa Joafra Transportes, e CSTT.

Aumento das passagens 

Desde a última quarta-feira (01), a Joafra unificou a tarifa e acabou com o desconto estudantil do transporte Interestadual que faz a linha Juazeiro/Petrolina. Os estudantes que antes pagavam o valor de R$ 1,50, agora então pagando o valor de R$ 3,00 na passagem.

O aumento gerou insatisfação nos usuários, que também estão insatisfeitos com o serviço prestado pela empresa. Em nota, a Joafra disse em nota que o desconto estudantil era dado por sua liberalidade, com o intuito de contribuir com a nossa população discente. A Joafra atribuiu o aumento à elevação no preço do combustível e a longa defasagem tarifária e garantiu que a decisão é lícita.

No último dia 19, a empresa também aumento a tarifa das linhas urbanas de Juazeiro de R$ 3,70, para R$ 4,60. Nas linhas distritais, o aumento da tarifa foi ainda maior. A passagem que antes custava R$ 4,50, passou a custar R$ 5,60.

Os aumentos também geraram uma repercussão negativa entre os usuários. Em nota enviada ao PNB, o Setranvasf- Sindicato da Empresas de Transporte Coletivo do Vale do São Francisco informou que o reajuste foi realizado após uma decisão favorável da justiça. O órgão disse ainda que a empresa estava há 5 anos sem reajuste e que o valor não irá cobrir os aumentos quase que diários no óleo diesel.

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.