Mães de alunos de Escolas Municipais de Juazeiro continuam reclamando da falta de transporte escolar; Seduc responde

Mães de alunos de Escolas Municipais de Juazeiro continuam reclamando da falta de transporte escolar; Seduc responde

A falta de transporte escolar para estudantes de Escolas Municipais de Juazeiro, no Norte da Bahia, tem sido uma reclamação constante desde a retomada das aulas presenciais. Desta vez, moradores de chácaras localizadas no Morrão, próximo ao bairro Dom José Rodrigues, entraram em contato com o PNB para reclamar da situação.

“Venho relatar minha indignação sobre a educação da nossa cidade. Minha família tem uma chácara localizada no Morrão, por trás do bairro Dom José Rodrigues, e sempre teve um transporte rural para os estudantes que passava por lá. Só que nessa nova gestão, não disponibilizaram mais o transporte escolar. Por conta disso, as crianças e os adolescentes precisam caminhar cerca de 4km de ida e volta para irem para as escolas. O problema fica maior no tempo chuvoso, pois muitos alunos não vão para as escolas por falta de acessibilidade, por conta das poças de lama. Por isso, deixo aqui a minha indignação”, reclamou uma mãe de alunos.

A responsável cobra ainda providências ao poder público para que a situação seja resolvida o mais rápido possível.

“Aqui tem alunos da EMEI Arlinda Varjão, e  alunos de escolas estaduais. Ressaltando que uma pessoa que dizia ser da parte responsável pelo transporte escolar passou fazendo o mapeamento da quantidade de alunos que faria o uso do transporte, mas não obtivemos retorno até o momento”, acrescentou.

O PNB já encaminhou a reclamação para a Secretaria de Educação de Juazeiro. Em resposta, o órgão informou que “irá entrar em contato com as equipes gestoras das escolas municipais citadas para verificar a demanda de alunos e a viabilidade do transporte escolar para a localidade. Sobre o transporte de alunos de escolas estaduais, a Seduc esclarece que o serviço para esta clientela é legalmente destinado aos estudantes que residem no interior do município e estudam em escolas estaduais da sede”.

Redação PNB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.