Moradora do Expedito Nascimento, em Juazeiro, cobra da prefeitura remoção de restos de poda “antes que vire um lixão”

Moradora do Expedito Nascimento, em Juazeiro, cobra da prefeitura remoção de restos de poda "antes que vire um lixão"

Em contato com o Portal Preto no Branco, Liliana Lino, moradora do bairro Expedito Nascimento, em Juazeiro, no Norte da Bahia, reclamou de galhos de árvores deixados em frente a sua residência, após um serviço de poda realizado pela gestão municipal.

Ela pede a remoção do material, antes que o local vire um lixão.

“Eu moro aqui no Expedito Nascimento e equipes da prefeitura vieram fazer uma limpeza no bairro todo, só que na rua em que eu moro existem uns terrenos baldios em frente. Eles podaram algumas árvores da rua e jogaram os galhos em frente aqui minha casa e de vizinhos. Não recolheram, os galhos já estão secos e o povo agora está jogando entulho aqui também, achando que é um lixão. Estou reclamando para que não vire um lixão. Queremos que a prefeitura mande uma equipe vir aqui tirar todo esse lixo, antes que a situação piore”, reclamou.

Liliana também registrou a situação em um vídeo. Veja:

O PNB já encaminhou a reclamação para a SESP.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.