Familiares cobram repasse do depósito mensal que fazem para os detentos do Conjunto Penal de Juazeiro

Familiares cobram repasse do depósito mensal que fazem para os detentos do Conjunto Penal de Juazeiro

Familiares de detentos do Conjunto Penal de Juazeiro, no Norte da Bahia, entraram em contato com o Portal Preto no Branco para informar que mensalmente precisam repassar aos presos o valor de R$ 50,00, para que eles possam comprar materiais de higiene pessoal e alimentos. De acordo com eles, o valor é entregue todo dia 1° de cada mês, a um agente que fica na portaria do CPJ.

“Acredito que esta seja uma determinação da direção do Conjunto Penal, pois desde que o nosso familiar entrou lá, nós sempre fomos orientados a entregar esse dinheiro na frente da portaria do presídio. Lá tem uma cabine, onde se forma uma fila, todo dia 1° de cada mês. A gente faz uma carteirinha e o funcionário fica com caderno com os nome dos detentos e escreve quem está ‘depositando’ o valor e dá um comprovante. Esse dinheiro é para que os detentos possam comprar desodorante, barbeador, pilha para o rádio, bolacha, pão, essas coisas que eles não recebem lá”, contou a familiar de um detento.

Além disso, eles informam que o dinheiro entregue neste mês de agosto, até o momento não foi repassado aos detentos, que estão sem os produtos e alimentos citados.

“Esse mês entregamos o dinheiro, mas até hoje eles não receberam o valor. Já fomos lá três vezes e eles falam que vão resolver e até agora nada.  Já falamos até que vamos marcar uma reunião com o diretor do CPJ para tentar resolver essa situação. Nosso familiar e outros detentos estão sem nada porque não receberam o dinheiro que a gente entregou no início do mês. É uma palhaçada. Queremos  saber para onde que eles mandam esse dinheiro. Ninguém sabe informar nada. Muitos detentos que estão ali são pessoas do bem, que infelizmente erraram e então ali pagando pelo erro. Eles não merecem ser tratado como eles são tratados, muito menos nós aqui de fora, que não temos culpa do que eles fizeram”, acrescentam.

O PNB já encaminhou as reclamações para a direção do CPJ e para a Secretaria de Administração Penitenciária da Bahia.

 

Redação PNB

1 comentário


  1. Ali tá jogado,o presídio de Juazeiro sempre tem denúncias e como sempre não dão em nada, Jajá o dinheiro e o comprovante do detento vai aparecer depois dessa denúncia, não sei o que e quem segura essa má gestão a tanto tempo ali naquele presídio.mas nos familiares de presos não temos nem voz nem vez,por isso recorremos ao blog pq é o único que nos ajuda a falar a verdade sobre o que acontece no conjunto penal de Juazeiro.

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.