1 comentário


  1. Gostei da reportagem, nem sabia que ela era Pernambucana, e muito guerreira!Parabéns pela reportagem e pelo baião Sibelle.rsrs

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.