“Um homem de extrema ignorância e bruto”, diz Irmão Robson sobre o Secretário de Saúde/ BA, Fábio Vilas Boas

"Um homem de extrema ignorância e bruto", diz Irmão Robson sobre o Secretário de Saúde/ BA, Fábio Vilas Boas

(foto: reprodução/Youtube)

Em entrevista ao programa Palavra de Mulher na web nesta terça-feira (19), Irmão Robson, Presidente do Conselho Municipal de Saúde de Juazeiro, revelou uma situação constrangedora que uma equipe da Prefeitura de Juazeiro enfrentou durante reunião com Fábio Vilas-Boas, Secretário da Saúde do Estado da Bahia. De acordo com ele, o encontro tinha como objetivo discutir e apontar soluções para os problemas que envolvem a saúde no município.

Segundo o presidente, a reunião aconteceu no último dia 26 de fevereiro no prédio da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (SESAB), em Salvador, e foi previamente agendada pela gestão municipal. “Não fomos bem recebidos pelo secretário estadual de saúde. Assim que chegamos no gabinete, ele não quis receber a comissão e disse que tinhas outras reuniões. Mas essa nossa já estava agendada. Saímos (de Juazeiro) exclusivamente para ter essa conversa com o secretário”, revelou.

Irmão Robson completou que a reunião, que também contou com a presença do Prefeito Paulo Bomfim (PCdoB), dos deputados Roberto Carlos (PDT) e Zó (PCdoB), da secretária municipal de saúde, Fabíola Ribeiro, e de Valdeci Alves, vereadora, só aconteceu após o prefeito de Juazeiro, Paulo Bonfim (PCdoB), insistir no encontro e dizer que não sairia da sede da SESAB sem ser atendido pelo gestor.

Ele classificou o secretário Fábios Villas-Boas como “um homem de extrema ignorância e bruto”. Segundo ele, um manifesto em repúdio ao comportamento do gestor será feito pela gestão municipal.

“A secretária de Saúde (de Juazeiro) trazia suas demandas e ele respondia de forma grosseira. Ele disse algo que deixou todo mundo horrorizado: que o problema da saúde de Juazeiro é que superlotamos os nossos leitos com velhos “gagás” e que esses velhos não são um problema de saúde, mas um problema social e que tinham que morrer em casa”, revelou Irmão Robson.

O presidente disse ainda que na reunião, quando Cássio Garcia, que já ocupou o cargo de secretário de Saúde de Juazeiro e que atualmente está como assessor especial da SESAB, passou uma informação ao prefeito Paulo Bomfim, foi repreendido por Fábio Villas-Boas.

“Ele disse que Cássio não tinha direito de passar aquela informação, e que se ele repetisse algo dessa natureza, ‘a cabeça dele iria rolar’, ou seja, ia ser exonerado. Ele falou isso na nossa frente. É um homem que não tem condições de trabalhar com o povo, e principalmente a frente de uma secretaria tão delicada, como a Secretaria Estadual de Saúde”, disse.

Irmão Robson informou ainda que Fábio Vilas-Boas saiu no meio da reunião dizendo ter outro compromisso e que Tereza Cristina, vice-secretária deu continuidade a audiência.

Assista na íntegra

Da Redação

2 Comentários


  1. Para informação ficar de fato completa sobre o CMS. Juazeiro já teve um presidente do Conselho de Saúde, representado por um usuário do SUS, através do presidente da Associação de Moradores da Vila Jacaré, que sucedeu a Secretaria Ângela Carneiro. 2001-2012)

    Responder

  2. Para informação ficar de fato completa sobre o CMS. Juazeiro já teve um presidente do Conselho de Saúde, representado por um usuário do SUS, através do presidente da Associação de Moradores da Vila Jacaré, que sucedeu a Secretaria Ângela Carneiro. 2004)

    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.