Representatividade: Superman será bissexual em nova edição de HQ, anuncia quadrinista da DC

Representatividade: Superman será bissexual em nova edição de HQ, anuncia quadrinista da DC

O quadrinista da DC Comics, Tom Tatlor, anunciou por meio de entrevista para o site da IGN, que o personagem de Superman, Jon Kent, será bissexual na nova edição dos quadrinhos, Superman: Filho de Kal-El #5.

Tom Taylor, que tem em seu currículo outras HQs como Asa Noturna, DCeased, Esquadrão Suicida revelou a novidade também em seu Twitter. A arte foi criada por John Timms.
“Nosso Superman está se assumindo. Feliz Dia de Sair do Armário”, disse ele na rede social.
Nesta nova edição, enquanto Clark Kent continua a luta para libertar Warworld, tanto na linha de frente quanto com uma nova equipe de agentes secretos, Jonathan Kent herda oficialmente o manto do pai e luta com a maior responsabilidade de sua vida aos 17 anos de idade.

Durante a história, Jon começa um relacionamento com o amigo, Jay Nakamura, um hacktivista que idolatra a mãe de Jon, Lois Lane.

“Ao longo dos anos nesta indústria, provavelmente não irá surpreendê-lo saber que rejeitei personagens e histórias queer. Eu senti como se estivesse decepcionando as pessoas que eu amava cada vez que isso acontecia. Mas estamos em um lugar muito diferente e muito mais bem-vindo hoje do que éramos há dez, ou mesmo cinco anos. Quando me perguntaram se eu queria escrever um novo Superman com um novo # 1 para o Universo DC, sabia que se substituísse Clark com outro salvador branco cis poderia ser uma oportunidade real perdida. Eu sempre disse que todos precisam de heróis e todos merecem se ver em seus heróis. Hoje, Superman, o super-herói mais forte do planeta, está se assumindo”, explicou Tom ao IGN.

A revelação de que o novo Superman, Jon Kent, é bissexual não é apenas um “truque”, afirma o autor da atual série em quadrinhos do personagem da DC, Tom Taylor.

Filho do herói original, Clark Kent, com a jornalista Lois Lane, o rapaz beija o repórter Jay Nakamura na edição de número cinco do quadrinho “Superman: Filho de Kal-El”, que será lançado no dia 9 de novembro.

“Não é um truque”, disse Taylor, em uma entrevista a partir de Melbourne, na Austrália, usando uma camiseta com um logo do Superman com as cores do arco-íris.

“Quando me ofereceram o trabalho, eu pensei ‘Bem, se vamos ter um novo Superman para o universo da DC, me parece uma oportunidade perdida ter um outro salvador branco e hétero”, contou Taylor.

“Nós não queríamos que isso fosse ‘DC Comics cria novo Superman queer'”, disse Taylor. “Queremos que isso seja ‘Superman se encontra, se torna o Superman e depois se revela bissexual’ e eu acho que há uma distinção importante aqui.”

As reações têm sido, em sua maioria, positivas, disse Taylor.

“Estou vendo tuítes de pessoas dizendo que caíram em lágrimas quando leram a notícia, que queriam que o Superman fosse assim quando eles estavam crescendo, que eles pudessem se enxergar nele”, afirmou o autor.

“As pessoas estão dizendo pela primeira vez que se enxergam no Superman –algo que nunca pensaram que fosse possível.”

Da Redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.