Wesley Safadão é acusado de erotização infantil após vídeo com a filha de 8 anos; o single “Macetando” será lançado oficialmente nesta sexta (29)

Wesley Safadão é acusado de erotização infantil após vídeo com a filha de 8 anos; o single "Macetando" será lançado oficialmente nesta sexta (29)

 

A deputada federal Eliza Virgínia (PP) está acusando o cantor Wesley Safadão de erotização infantil, após publicação de um vídeo em que ele aparece dançando a música ‘Macetando’ ao lado da filha Ysis, de 8 anos. O caso foi denunciado ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

Nas imagens, publicadas no dia 17 de julho, a criança aparece divulgando o novo sucesso do forrozeiro, que faz apologia ao álcool e referência ao ato sexual.

“Ai, vida, ai, vida, ai vida, bota de red de melancia, pra novinha, com gin que tu vai [sic] ver p*tar*a. Chama as ‘amiguinha’ [sic], o baile vai ferver! Só quem é gostosa levanta a mão. Vai sentando, novinha, sentando”, diz o trecho da canção.

A deputada reagiu ao conteúdo sexista e ao que considerou de “abuso infantil”

“Ficamos horrorizados. Minha bandeira é lutar contra a exploração sexual e o abuso infantil. E, no vídeo, o Wesley Safadão canta e dança com a filha de oito anos uma letra de música que fala sobre sexo explícito. Ele faz apologia à pedofilia. As crianças assistem ao vídeo e querem dançar também”, afirmou a deputada.

“Às vezes os pais nem prestam atenção às letras das músicas. Hoje em dia, tem criança que não sabe ler nem escrever, mas já sabe falar sobre sexo. Isso não pode ficar assim. As crianças estão sendo erotizadas”, completou.

O cantor não comentou a acusação. Em suas redes sociais, Safadão segue divulgando o single que chega as plataformas digitais nesta quinta (28) e tem lançamento oficial na sexta (29).

Confira vídeo:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.