TSE impõe limite para enquetes e sondagens na eleição de 2022

TSE impõe limite para enquetes e sondagens na eleição de 2022

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que a realização de enquetes ou sondagens sobre as Eleições 2022 está proibida a partir de 15 de agosto.

A última vez em que as enquetes ou sondagens foram permitidas, nas Eleições Municipais de 2012, tiveram sua divulgação condicionada à informação clara de que se tratava de mero levantamento de opiniões, sem controle de amostragem científica.

“O levantamento de opiniões sem plano amostral, que dependa da participação espontânea da parte interessada, e que não utilize método científico para sua realização, quando apresentados resultados que possibilitem à eleitora ou ao eleitor inferir a ordem das candidatas e dos candidatos na disputa”, informa a norma do TSE.

Enquete ou sondagem eleitoral não é a mesma coisa que pesquisa eleitoral. Qualquer pessoa pode consultar as pesquisas eleitorais já registradas.

TSE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.